O Programa Meu Primeiro Negócio foi lançado nesta terça-feira, 28, no Palácio de Karnak, pela governadora Regina SousaCom o objetivo de incentivar jovens com perfil empreendedor, com idade entre 18 a 29 anos, que estejam em formação do ensino superior e ensino de nível médio no Piauí.

Desenvolvido pelo Governo do Estado, por meio da Agência Piauí Fomento em parceria com Secretaria Estadual de Educação e Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), o edital vai inscrever 300 projetos que passarão por uma avaliação do comitê gestor formado por Sebrae, Seduc e Piauí Fomento, que selecionará 150 projetos para segunda fase, onde os candidatos passarão por curso no Sebrae e apresentarão projetos e, posteriormente, serão escolhidos 100 selecionados que, efetivamente, participarão do programa.

Governadora Regina Sousa durante lançamento do edital Meu Primeiro Negócio (Gabriel Paulino)Governadora Regina Sousa durante lançamento do edital Meu Primeiro Negócio (Gabriel Paulino)

No lançamento, a governadora Regina Sousa disse que é um projeto que tem tudo para dar certo e visa dar oportunidade ao jovem para abrir seu negócio. Para ela, é uma proposta inovadora, que vai fortalecer o empreendedorismo e a juventude.

Esse projeto vai dar oportunidade ao aluno a abrir o próprio negócio. "Vamos trabalhar na oferta para alunos do curso técnico".

Representante da Seduc, a professora Lourdinha Lopes disse que o Governo do Estado levou a Universidade Aberta para os 224 municípios e este programa é lançado num momento oportuno, que é o encerramento de cursos em 60 polos e vai permitir a participação desses egressos no programa.

Segundo o presidente da Piauí Fomento, Luís Carlos Ewerton, estão previstos a aplicação de R$ 2.100.000,00, sendo que cada um dos beneficiados será contemplado com até R$ 21.000,00, com prazo de 60 meses, carências e taxa de juro de 5% ao ano. "Hoje estamos lançando o edital que visa a seleção de 100 jovens", disse, enfatizando que as inscrições começam já nesta quarta-feira, 29, e os interessados terão prazo de 30 dias para efetuar inscrição.

Lançamento do Programa Meu Primeiro Negócio (Gabriel Paulino)Lançamento do Programa Meu Primeiro Negócio (Gabriel Paulino)

Programa será efetivado este ano

"Pretendemos financiar e liberar esses créditos até o mês de outubro", disse, enfatizando que são a Piauí Fomento atua em várias frentes, fomentando a economia o crédito. "Temos vários programas de capital de giro, de investimento, novas empresas urbanas, microcrédito urbano e também temos esse programa inovador", afirmou Luís Carlos Ewerton.

O diretor Mário Lacerda, do Sebrae, disse que o programa tem o apoio do Sebrae na seleção das propostas apresentadas pelos empreendedores. "Após a seleção das 100 empresas iniciais, vamos fazer a consultoria pós-crédito para que possamos aumentar a possibilidade de um resultado positivo, diminuir a probabilidade de fechamento. Queremos fazer essas empresas prosperar e gerar emprego. A proposta é termos um bom modelo para ser replicado várias vezes", afirmou, destacando que serão empresas dos setores industrial, comercial e de serviços.

Segundo Mário Lacerda, para ser selecionado, o candidato não pode estar no cadastro do SPC e Serasa, precisa ser o primeiro negócio de empreendedor que será formalizado e estar na faixa de 18 a 29 anos, no último ano de formação na faculdade ou no curso de formação profissional ou estar há 5 anos de formado.