Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Petróleo crava novo recorde em NY

A forte tendência de alta do petróleo influenciou também a cotação da gasolina e do gasóleo

Compartilhe

O barril do petr?leo subiu 1,6% nesta sexta-feira em Nova York e registrou novo recorde ao fechar acima dos US$ 116, puxado pela preocupa??o do mercado com o fluxo de fornecimento da Nig?ria. Durante o preg?o, no entanto, a commodity chegou a bater os US$ 117 pela primeira vez.

Na Nymex (Bolsa Mercantil de Nova York, na sigla em ingl?s), os contratos do petr?leo cru para entrega em maio subiram US$ 1,83 em rela??o ao fechamento de ontem, e o barril encerrou o preg?o cotado a US$ 116,69.

A forte tend?ncia de alta do petr?leo influenciou tamb?m a cota??o da gasolina e do gas?leo, que tamb?m registraram novos recordes.

Na Europa, o barril de petr?leo Brent (de refer?ncia) fechou hoje a US$ 113,92 no mercado de futuros de Londres ap?s bater novo recorde sendo vendido a US$ 114,22 durante o preg?o. O barril para entrega em junho fechou US$ 1,49 mais caro que no dia anterior no ICE (Mercado Intercontinental de Futuros, na sigla em ingl?s).

O pre?o do barril da Opep (Organiza??o dos Pa?ses Exportadores de Petr?leo) tamb?m bateu recorde hist?rico ao ser negociado na quinta-feira a US$ 107,63, US$ 0,98 a mais que no dia anterior, informou nesta sexta-feira em Viena o secretariado da organiza??o petrol?fera.

Esta nova disparada, segundo os analistas, se originou pelas sabotagens contra um oleoduto, explorado por uma filial do grupo petroleiro Shell, na regi?o do delta do N?ger, na Nig?ria. Primeiro produtor africano de petr?leo, a Nig?ria teve de reduzir sua produ??o em cerca de 25% por causa da viol?ncia nas zonas petroleiras desde janeiro de 2006.

A isso se somam as incertezas sobre a evolu??o da economia mundial diante do que os analistas indicam cada vez mais com uma recess?o nos Estados Unidos, que impulsiona os investidores a refugiar seu capital em mat?rias-primas como o petr?leo, o ouro e alguns alimentos.

Opep

O secret?rio-geral da Opep, o l?bio Abdullah Salem el-Badri, advertiu nesta sexta-feira sobre a necessidade de medidas para reduzir a especula??o financeira, o "principal fator" por tr?s da atual volatilidade e escalada dos pre?os do petr?leo. "Estamos presenciando um mercado cada vez mais inst?vel, no qual h? uma maior desconex?o entre os pre?os do petr?leo e os fundamentos do mercado", disse nesta sexta-feira Badri em entrevista ? Ag?ncia Efe.

"H? uma s?rie de fatores bem conhecidos determinando isto", disse o secret?rio-geral da organiza??o, em refer?ncia ? "especula??o do mercado, ao enfraquecimento do d?lar, ?s tens?es geopol?ticas e ?s limita?es no sistema de refino dos Estados Unidos".

As afirma?es de Badri confirmam a reiterada postura da organiza??o de n?o aumentar, no momento, sua oferta da commodity, apesar de um crescimento das provis?es ser o que os consumidores esperam para diminuir a alta dos pre?os.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar