mais

Pracinha do Produtor da Nova Ceasa incentiva agricultura familiar no Piauí

Produtores do chamado Cinturão Verde do Piauí terão a oportunidade de comercializar produtos na Central de Abastecimento, que possui um grande fluxo de pessoas

Com o objetivo de fortalecer a agricultura familiar no Piauí, a Nova Ceasa vai garantir um espaço com 12 boxes gratuitos para a produção de assentamentos rurais e pequenos produtores do chamado Cinturão Verde do Piauí, que plantam hortaliças, frutas, verduras e legumes. A chamada Pracinha do Produtor promete movimentar as vendas, ampliando oportunidades de emprego e renda. 

O projeto busca ofertar produtos semi-orgânicos e orgânicos, que possuem um alto valor agregado de comercialização e uma demanda crescente em Teresina. A ideia é que possa ser criado um selo de qualidade da Nova Ceasa, indicando o tipo e a origem do produto, com finalidade de diferenciá-lo dos demais e aumentar a receita dos beneficiados.

A iniciativa surgiu a partir da iniciativa da Superintendência de Parcerias e Concessões (Suparc-PI), que vem acompanhando pequenos produtores em visitas aos campos de produção. Neste sábado (2), haverá um encontro na Nova Ceasa para definir aspectos técnicos da ação em parceria com os agricultores. 

Viviane Moura acompanha produção do Cinturão Verde para levar para a Nova Ceasa. Crédito: Ascom/Suparc.Viviane Moura acompanha produção do Cinturão Verde para levar para a Nova Ceasa. Crédito: Ascom/Suparc.

Livres de pesticidas e agrotóxicos, a produção da agricultura familiar garante alimento de qualidade e ainda mais saudáveis na mesa. “Estamos visitando projetos de produtores que utilizam campos agrícolas como base para a subsistência e a comercialização. Eles sobrevivem dessa produção de forma sustentável e agora vão ganhar um espaço para ampliar as vendas”, define Viviane Moura, superintendente da Suparc. 

O projeto Pracinha do Produtor, que tem como objetivo a criação de um espaço físico permanente dentro da Nova Ceasa para este público, garante um alto fluxo de consumidores para o feijão verde e a abóbora da roça produzidos em regiões como a localidade Campestre, por exemplo. “Aqui, a gente planta macaxeira, tomate, quiabo, melancia e banana. Vai ser muito bom”, define Antônio Cornélio, produtor da região. 

O Cinturão Verde do Piauí foi implantado em 2003, pela Secretaria do Desenvolvimento Rural (SDR). A área de atuação do Projeto está no entorno de Teresina e mais onze municípios, sendo eles: União, José de Freitas, Altos, Pau D’arco, Demerval Lobão, Lagoa do Piauí, Monsenhor Gil, Curralinhos, Palmeirais e Nazária.

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail