Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Publicitária faz campanha com "pelados" e consegue emprego

Além das fotos dos amigos, Isa recebeu retratos de desconhecidos, brasileiros e estrangeiros.

Publicitária faz campanha com "pelados" e consegue emprego
Publicitária tira a roupa para ser contratada por empresa. | Divulgação
Compartilhe

Será que alguém ficaria pelado para conseguir um emprego? Ou melhor, será que uma pessoa ficaria pelada para outra conseguir um emprego? Cerca de 50 pessoas toparam esse desafio e ficaram nús para que a publicitária Isabella Gimenez, 24 anos, conseguisse uma vaga na agência de comunicação Naked (pelado, em português), em São Paulo. Para promover a sua causa, Isabella foi a primeira a se despir. Com a foto nua a publicitária criou um site com a campanha "eu fico pelado para a Isa ser Naked". O resultado foi positivo: ela passou a integrar o quadro de funcionários da empresa.

O site começou a funcionar as 18h da quarta-feira, dia 11, com a "solidariedade" de 12 amigos da publicitária, que tiraram a roupa em prol da causa. Em quatro dias o site teve 25 mil visualizações e foi compartilhado 2 mil vezes no Facebook. "Eu ficaria pelada por vocês", dizia uma placa que acompanha a publicitária pelada no site.

"Larguei meu emprego para trabalhar durante uma semana na Naked e gostei da agência, das pessoas, da proposta da empresa e tive a ideia de fazer essa campanha. O pessoal viu que era uma campanha bacana e apoiaram, que tem uma pegada fun (divertida) e não sensual. Deu tão certo que fui contratada", comenta.

Além das fotos dos amigos, Isa recebeu retratos de desconhecidos, brasileiros e estrangeiros, e até animais entraram na brincadeira (sem fotos comprometedoras). Na terça-feira, uma foto da diretoras de negócios e da diretora de criação da empresa (nuas) comprovaram o sucesso da empreitada e a publicitária foi contratada como redatora da agência. Segundo ela, mesmo sem o mote principal - sua contratação - o site continua no ar enquanto chegarem fotos daqueles que apoiam a causa.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar