Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Equatorial beneficiará 11 municípios com nova linha de distribuição

A nova linha de distribuição contará com 36 km de extensão e sua implantação tem como objetivo assegurar a qualidade da energia elétrica fornecida.

Compartilhe

Dando continuidade aos investimentos e melhorias já entregues para a rede de fornecimento de energia do Estado em 2020, a Equatorial já prepara em seu leque de obras a serem entregues, mais melhorias para várias cidades da regional Metropolitana, com a futura entrega da nova linha de distribuição de energia em 69 KV, Teresina III/Altos.

A nova linha de distribuição contará com 36 km de extensão e sua implantação tem como objetivo assegurar a qualidade da energia elétrica fornecida, bem como proporcionar a melhoria do atendimento e o nível de tensão a todos os municípios atendidos.

O investimento dedicado para a execução da obra é de R$ 12 milhões de reais e impactará positivamente o fornecimento de energia de 11 municípios. No total, a melhoria chegará para uma população de mais de 150 mil habitantes dos municípios de Altos, Coivaras, Pau D'arco do Piauí, Beneditinos, Prata do Piauí, Alto Longá, Novo Santo Antônio, Castelo do Piauí, São Miguel do Tapuio, Buriti dos Montes, Assunção do Piauí.

A linha, que tem previsão de entrega para o final do 2º semestre de 2021, encontra-se na fase de estudos do projeto executivo, que consiste na análise topógrafica, sondagem e engenharia. Em paralelo, também estão sendo providenciados os licenciamentos para garantia da segurança e sustentabilidade do empreendimento. As obras em campo estão previstas para iniciarem em junho de 2021.

Antônio Simões, Gerente de Obras e Manutenção da Equatorial Piauí destaca que essa linha promoverá uma nova melhoria no atendimento de tensão para a região metropolitana, próxima à capital. “Esssa nova linha com previsão de entrega para 2º semestre de 2021, garantirá um reforço de energia a esta importante região do Estado que nos últimos anos cresceu exponencialmente junto com a capital, tanto no aspecto populacional, como no aspecto estrutural, com maior desenvolvimento e chegada de empresas, indústrias e comércios que demandam maior e melhor qualidade no fornecimento de energia’’ destaca o gerente.

Obras e investimentos

A Equatorial Piauí realiza ainda outras obras para qualificar o fornecimento de energia, como o Projeto Ininga, beneficiando toda a região leste da Capital, Projeto Palmeirais, melhoria para os municípios de Nazária e Palmeirais, e a nova Linha de Distribuição Teresina/Jockey, importante reforço para Teresina. Para a Equatorial Piauí, que segue trabalhando mesmo em contexto de pandemia,  o ano de 2020 já é marcado por ser um ano de entrega de cinco novas subestações de energia e três novas Linhas de Distribuição no Piauí, que vão garantir um fornecimento com mais qualidade e robustez no sistema.

São mais R$ 31 milhões investidos no estado só nessas obras. Quatro Subestações e duas Linhas de Transmissão já estão em operação: uma Subestação na capital (Subestação Esplanada) e outras três na região dos Cerrados (subestações Quilombo, Cristino Castro e Cerrados) no polo econômico do agronegócio responsável por dobrar o Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) do Estado nos últimos anos (MAPA) e produzir boa parte da riqueza no Piauí.

Em um aspecto global, a Equatorial Piauí investirá em 2020, aproximadamente 240 milhões de reais direcionados para manutenção, melhoria e novas estruturas da rede elétrica do Estado do Piauí.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar