mais

Escritor é condenado por morte semelhante à descrita em livro

Escritor é condenado por morte semelhante à descrita em livro

O escritor polon?s Krystian Bala foi condenado a 25 anos de pris?o pela Justi?a de seu pa?s nesta quarta-feira (5), sete anos depois de ter cometido um assassinato - at? ent?o chamado de ?o crime perfeito?. Ele foi preso depois que a pol?cia tomou conhecimento de seu romance, que revelava detalhes do assassinato.

"Amok" foi a primeira obra de Bala, e revela detalhes de um assassinato bem similar ao do empres?rio Dariusz Janiszewski, um conhecido propriet?rio de uma ag?ncia de publicidade, encontrado morto ?s margens do rio Oder, perto da cidade polonesa de Wroclaw, em dezembro de 2000.

O empres?rio foi torturado, amarrado e jogado ao rio. Durante anos, a pol?cia n?o tinha suspeitos e ficou sem saber os motivos que levaram ao assassinato.

At? que um policial tomou conhecimento de uma discuss?o na internet sobre um assassinato em um livro rec?m-publicado. A obra continha detalhes muito parecidos ao caso da morte do empres?rio.

As suspeitas ficaram mais fortes depois que a pol?cia descobriu que Bala, o autor do livro, havia telefonado para a v?tima no dia em que ela desapareceu e que, quatro dias ap?s o assassinato, vendeu seu celular em um website.

A promotoria alegou que ele estava com ci?mes de Janiszewski, porque suspeitava que este mantinha um relacionamento amoroso com sua ex-mulher. O escritor negou o crime e disse que escreveu a obra depois de ler sobre o caso na m?dia.

Krystian Bala foi declarado culpado nesta quarta-feira (5) e condenado a cumprir a pena de 25 anos de pris?o.

Tópicos

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail