Estado faz intercâmbio sobre fruticultura no Vale do São Francisco

O intercâmbio trouxe possibilidade de firmar parcerias.

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), promoveu um intercâmbio nos dias 02 e 03 deste mês para conhecer experiências exitosas de fruticultura irrigada nas cidades de Petrolina (Pernambuco) e Juazeiro (Bahia). Participaram desta ação, o secretário da SDR, Francisco Limma, a secretária de infraestrutura, Janaína Marques, o assessor do governo do estado, Getúlio Araújo Dias, a prefeita de Esperantina, Vilma Amorim, a prefeita de São João do Arraial, Vilma Lima, o prefeito de Joca Marques, Betão, além de representantes da Escola Família Agrícola - EFA Cocais, secretários municipais de agricultura e produtores com pretensão de investir na fruticultura irrigada no norte do Piauí.

No primeiro dia do intercâmbio, o grupo conheceu a fazenda Geraldo Agrícola, que fica em Petrolina e tem suas atividades voltadas para a produção de uva. Na manhã do dia seguinte, a equipe assistiu a uma palestra ministrada pelo gerente executivo do Distrito do Perímetro Irrigado de Maniçoba, Valter Matias de Alencar, sobre o modelo de gestão adotado pelo distrito, que tem a Codevasf como gestora. Na parte da tarde, visitaram fazendas produtoras de melão e manga naquele distrito, que é referência na região.

De acordo com o Francisco Limma, este intercâmbio trouxe possibilidade de firmar parcerias e ainda transferir este aprendizado para as áreas de produção e gestão ao norte do Piauí e outros territórios. “O governo do estado já apoia, diretamente, a fruticultura irrigada na região de São João do Piauí com o projeto Marrecas, inclusive com a motivação e mobilização de produtores para investir nesta atividade. O Estado também incentiva o desenvolvimento deste setor em João Costa, Simplício Mendes, na região de Oeiras, nos Platôs de Guadalupe, Tabuleiros Litorâneos e também possui o interesse em recuperar os perímetros mais antigos como os de Lagoa do Piauí, em Luzilândia e do Vale do Gurguéia. São ações que visam potencializar as infraestruturas e as áreas que já produzem no estado”, ressaltou o secretário.

Para a prefeita de Esperantina, Vilma Amorim, estas visitas estão sendo de grande importância para toda a equipe, por mostrar que é possível desenvolver esta atividade no Piauí. “Nosso estado possui um grande potencial natural, mais precisamente na região norte, que agrega todas as condições necessárias, em abundância, como água e terras; sendo os diferenciais dos lugares que conhecemos, onde tudo é regrado. Acredito que unindo forças poderemos, futuramente, estar convidando produtores de outros estados para conhecer os projetos exitosos do Piauí”, enfatizou Vilma Amorim.

Como resultado imediato do intercâmbio, foi firmado um entendimento com a gestão do Distrito do Perímetro Irrigado de Maniçoba, onde a partir de uma relação direta com a superintendência da Codevasf no Piauí e das superintendências de Petrolina e Juazeiro, será possível o estágio de técnicos e produtores do Piauí naquela região, como também o envio de alguns técnicos de Juazeiro para auxiliar na implantação ou na recuperação de áreas que já produzem no Piauí.

“É um entendimento prévio, mas que deve resultar, em breve, na formalização de um termo de cooperação técnica entre o governo do estado do Piauí, a Codevasf e o Distrito de Perímetro Irrigado de Maniçoba”, antecipou o secretário da SDR.

Em setembro de 2016, a SDR realizou outro intercâmbio com um grupo de 20 pessoas também para Petrolina, na região do Vale do São Francisco. Na oportunidade, foram visitadas experiências de produção de fruticultura irrigada de banana, uva, manga e goiaba, sendo uma propriedade, produtora de frutas orgânicas.

Fonte: Ascom