mais

EUA: Geórgia confirma vitória de Biden e descarta fraude nas eleições

No estado, o democrata ficou com 12.284 votos a mais que o presidente Donald Trump.

O estado da Geórgia, nos Estados Unidos, confirmou na noite desta quinta, 19, a vitória do democrata Joe Biden após uma recontagem manual dos votos. O procedimento foi adotado porque a diferença dos dois candidatos foi muito pequena.

No estado, o democrata ficou com 12.284 votos a mais que o presidente Donald Trump. A vantagem foi um pouco menor que a encontrada na primeira contagem. As autoridades do estado, contudo, afirmaram que não foram identificadas fraudes massivas ou irregularidades na eleição, o que contraria as alegações de Trump. Segundo um comunicado divulgado nesta quinta, a diferença de resultados entre a recontagem manual e a feita pela máquina está dentro da margem de erro.

Geórgia confirma vitória de Joe BidenGeórgia confirma vitória de Joe Biden

"A primeira auditoria histórica estadual da Geórgia reafirmou que o novo sistema de votação por cédula de papel do estado contou e reportou os resultados com precisão", disse o secretário de estado da Geórgia, Brad Raffensperger, que é republicano.

Ao comandar a recontagem no estado, Raffensperger tornou-se uma das pessoas mais odiadas no Partido Republicano e foi atacado por Trump nas redes sociais."Tudo mundo sabe que nós ganhamos o estado (da Geórgia). Onde está Brian Raffensperger?", tuitou o presidente há alguns dias.

 

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail