Exposição sobre Serra da Capivara será aberta em Teresina

Público do Piauí será o primeiro a conferir exposição

Aberta em maio, na Embaixada do Brasil em Berlim, na Alemanha, a exposição “Seriam os piauienses da Serra da Capivara os homens mais antigos das Américas?” chega a Teresina e será inaugurada neste sábado, (1º), às 18h, para convidados e a partir deste domingo (2), estará aberta ao público, no Teresina Shopping. A mostra com fotografias de André Pessoa fica na capital até o dia 10 de agosto.

Na abertura do evento haverá uma mesa-redonda com arqueólogos e pesquisadores para debater se realmente a Serra da Capivara tem os esqueletos, tem os fósseis humanos mais antigos das Américas. Além de ser um evento cultural, social, ele também vai ter esse viés educacional e científico.

Image title

Nas fotografias, André Pessoa retrata as belezas, riquezas e descobertas científicas na Serra da Capivara. Durante 40 dias, o piauiense terá a possibilidade de conhecer mais sobre a origem do homem por meio das pesquisas da Fundação Museu do Homem Americano (FUMDHAM), coordenadas pelas arqueólogas Niède Guidon, Anne-Marie Pessis e Gabriela Martin, que lideram uma equipe multidisciplinar de alto nível em pleno sertão nordestino.

Pessoa explica que a chegada da amostra com imagens peculiares do acervo científico da Fumdham, mas também do mundo fascinante das plantas, animais, paisagens e homens que representam a tradição local é uma realização do Governo do Piauí, através da Coordenadoria de Comunicação Social (CCOM), em parceria com o Instituto Ecológico Caatinga (IEC) e vários apoiadores.

“É uma verdadeira realização documentar as belezas e a importância da riqueza natural e cultural do Piauí destacando o seu Parque Nacional, que é Patrimônio Cultural da Humanidade. Levar minha contribuição de como esse estado é maravilhoso, rico e merece ser valorizado por todos através desse patrimônio que é dos piauienses e que o mundo todo pode desfrutar é, sem dúvida, transformadora”, disse o fotojornalista, acrescentando que o incentivo e participação dos governantes em pautas como essa faz a diferença. Na Alemanha, a exposição ficará aberta ao público até abril de 2018.


Fonte: Com informações do Portal do Governo