Fies encerra prazo de inscrições com regras antigas nesta sexta

Inscrições devem ser feitas pela internet

As inscrições para a edição do segundo semestre do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) terminam nesta sexta-feira (28). Segundo o Ministério da Educação, serão oferecidas 75 mil contratos de financiamento de cursos de ensino superior em faculdades particulares. As inscrições podem ser feitas pelo site do programa (http://fiesselecao.mec.gov.br).

É possível filtrar as vagas por curso, instituição e município, em 'consultar vagas' (http://fiesselecaoaluno.mec.gov.br/consulta/curso). Este é o último semestre do programa em que vale o regulamento antigo, novas regras foram anunciadas para 2018.

Image title

Os estudantes interessados em um contrato do Fies do segundo semestre de 2017 terão que arcar, na hora de pagar a dívida, com uma taxa de juros de 6,5% ao ano.

Requisitos

Podem participar da seleção candidatos que tiverem concluído o ensino médio e que tenham feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010. É preciso ter feito ao menos 450 pontos nas provas objetivas, além de ter tirado nota maior que zero na redação. Os estudantes devem ser de famílias com renda mensal bruta per capita é de no máximo três salários mínimos.

Veja o cronograma do Fies do segundo semestre:

Início das inscrições: terça-feira (25)

Fim das inscrições: sexta-feira (28)

Resultado: 31 de julho

Abertura da lista de espera: 31 de julho

Conclusão da inscrição: de 1º de agosto a 3 de setembro

Inscrições para vagas remanescentes: 11 de setembro

Simulação de valores

No site do Fies, é possível simular os valores devidos. Para isso, o estudante precisa saber o valor da semestralidade do curso, e informar o número de semestres, se já tem bolsa do Programa Universidade para Todos (Prouni) e a porcentagem da mensalidade que deseja financiar, variando entre 10% e 100%.

Por exemplo: se um estudante pretende iniciar um curso de quatro anos (oito semestres) no segundo semestre de 2017, com uma mensalidade de R$ 500 (ou semestralidade de R$ 3 mil), não é bolsista e quer financiar 100% da mensalidade, ele vai ter previsão de formatura em agosto de 2021 e 18 meses de carência. Isso quer dizer que ele só precisará começar a pagar essa dívida em fevereiro de 2023. Sua dívida será de cerca de R$ 26 mil, e ele terá até janeiro de 2035 para devolver o dinheiro ao governo.

Novas regras para 2018

Este é o último semestre do Fies no modelo antigo. No início do mês, o Ministério da Educação (MEC) anunciou novas regras para o programa, com três categorias diferentes de financiamento, variando de acordo com a renda familiar do candidato, região do curso e juros.



Fonte: Com informações do G1
logomarca do portal meionorte..com