Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

FMC já tem uma proposta para plano de ação à Lei Aldir Blanc

Ferramenta digital permite que diversos projetos culturais possam se inscrever.

Compartilhe

A Fundação Municipal de  Cultura de Timon já concluiu a proposta para o Plano de Ação à Lei Aldir Blanc, contendo todo o passo a passo, critérios e perfil dos grupos a serem beneficiados conforme a lei. Paralelo a isso, uma plataforma online, "Sistema Municipal de Cultura", que foi  montada para o cadastro dos grupos passa por fase de testes a fim de aperfeiçoar sua funcionalidade. 

Com essa ferramenta digital todos os grupos sejam esses, teatro comunitário, circo, grupos de capoeira, cinema comunitário, roda de leitura, pequenos produtores culturais,entre outros vão poder se cadastrar. Todas as informações descritas pelos grupos serão checadas e atendendo aos critérios do governo federal, através da lei, esses grupos poderão ser beneficiados. 

FMC já tem uma proposta  para plano de ação à  Lei Aldir Blanc

Nessa terça-feira (15) a reunião on-line para tratar da execução da Lei Aldir Blanc contou com  a participação do promotor de justiça, Dr. Eduardo Borges, presidente da FMC, Saney Sampaio, do procurador geral do município, João Santos, do representante do setor de convênios, Dênis Carvalho e da assessora técnica da FMC, Carla Senna. O objetivo da reunião foi compartilhar as informações sobre o plano de ação no intuito de tornar o processo ainda mais transparente. O  MP foi convidado a fazer todo o acompanhamento junto com a Fundação Municipal de Cultura. 

Para o município o próximo passo importante será a interação direta com os representantes dos grupos culturais agendada para segunda-feira (21) às 9h da manhã, no Centro de Formação Wall Ferraz. 

Por conta das medidas sanitárias e a necessidade do distanciamento, a capacidade do auditório foi reduzida. E por essa razão a fim de garantir o maior número possível de grupos culturais a participação será de apenas um representante por grupo. 

FMC já tem uma proposta  para plano de ação à  Lei Aldir Blanc

Após a reunião da  segunda feira, se os grupos culturais desejarem, a FMC poderá participar de encontros com cada grupo e  integrantes.

"Queremos nos reunir com os representantes de cada grupo cultural para detalharmos minuciosamente a plataforma digital de cadastro e o plano de execução à lei Aldir Blanc." - frisa Saney Sampaio, presidente da Fundação Municipal de Cultura de Timon.

O Ministério do Turismo vai apreciar o plano de execução de cada município e após a aprovação a Fundação Municipal de Cultura de Cultura  estará apta para receber o repasse.

A expectativa é que durante o mês de outubro esse recurso do governo federal seja liberado. 

Desde a aprovação da lei Aldir Blanc que o município de Timon vem trabalhando e seguindo à risca o cronograma de planejamento.

É preciso reforçar que o município de Timon está responsável pela articulação, atendimento e benefício dos grupos culturais. Já os trabalhadores da cultura esses serão beneficiados pelo governo do estado do Maranhão.

Para mais informações foram disponibilizados:  WhatsApp 86 981052333 e o e-mail [email protected]


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar