Garoto de 9 anos mata a pauladas colega que o chamava de 'caolho'

O adolescente morto costumava provocar o menino que é estrábico

Uma criança de apenas 9 anos matou o colega adolescente de apenas 12 anos a pauladas na noite da última segunda-feira (18), no bairro Cidada Nova II, em Várzea Paulista (SP).

Segundo informações divulgadas pelo delegado Marcel Fehr, o adolescente morto costumava provocar o menino que é estrábico chamando-o de "galo cego"e "caolho".

O crime ocorreu quando os dois garotos que estavam, por volta das 18h da última segunda-feira, com um grupo de colegas se desentenderam e no momento da briga o garoto pegou um pedaço de pau e golpeou o adolescente várias vezes, inclusive, na cabeça.

O adolescente cheogu a ser socorrico e encaminhado para o Hospital Universitário de Jundiái (SP), mas não resistiu e morreu.

O delegado Fehr informou que o crime foi praticado por uma criança e no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) não existe medida de restrição de liberdade. "Não é sequer um ato infracional, apesar da gravidade do fato", afirma.

O caso foi encaminhado para a Vara da Infância e da Juventude e para a Promotoria da Infância e da Juventude de Várzea Paulista.

Rua onde ocorreu o crime (Crédito: Wellington Silva/TV TEM))
Rua onde ocorreu o crime (Crédito: Wellington Silva/TV TEM))



Fonte: G1
logomarca do portal meionorte..com