Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Governador oficializa carnaúba como árvore símbolo do Piauí

Com o decreto, a preservação da carnaúba ficará mais intensa

Compartilhe

O governador Wellington Dias oficializou, nesta quinta-feira (21), a carnaúba (Copernicia Prunifera) como árvore símbolo do estado do Piauí. A solenidade de assinatura do decreto ocorreu na Praça Cultural Francisco das Chagas de Araújo Costa Júnior, sob a Ponte JK, na Avenida Marechal Castelo Branco, em Teresina. 

Com 49%, a carnaúba foi a vencedora da disputa realizada por meio de consulta pública. A ação foi fruto da parceria entre a Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos do Piauí (Semar) e a Universidade Estadual do Piauí (Uespi). Quatro tipos de árvores foram colocados à disposição do público para escolha: bacuri, jatobá, carnaúba e ipê amarelo. 

Com o decreto, a preservação da carnaúba ficará mais intensa (Crédito: João Albert)
Com o decreto, a preservação da carnaúba ficará mais intensa (Crédito: João Albert)

Na ocasião, o governador participou do plantio de 25 mudas. "É um marco importante, pois a árvore foi eleita de forma democrática. É interessante que toda a equipe se envolveu e a população participou animada da votação. A carnaúba já é uma árvore protegida no estado. Temos uma das maiores reservas de carnaúba do planeta, portanto, é uma grande responsabilidade proteger essa espécie, que nos representa bem com a sua beleza, além de ter uma força econômica relevante", destacou Wellington.

Para o secretário de Estado do Meio Ambiente, Ziza Carvalho, além do fator econômico, a carnaúba foi uma boa escolha pelo fato de estar profundamente ligada à identidade cultural do povo piauiense.

"Na colonização, ela serviu para a construção dos currais de gado no Piauí, para as vigas de sustentação das casas; as palhas cobriam as casas; o pó representa a segunda pauta de exportação econômica do estado. Dos 20 municípios produtores do pó da carnaúba, 15 estão localizados no nosso estado, portanto, merece ser a árvore símbolo", pontuou o gestor.

Com o decreto, a preservação da carnaúba ficará mais intensa (Crédito: João Albert)
Com o decreto, a preservação da carnaúba ficará mais intensa (Crédito: João Albert)

Segundo o reitor da Uespi, Nouga Cardoso, com o decreto, a preservação da carnaúba ficará mais intensa.

"A derrubada dessa espécie passa a depender de prévia licença ambiental dos órgãos competentes. Dela, se extraía produtos de grande valor agregado e ainda há muito o que possa ser retirado para contribuir para o desenvolvimento do estado. No entanto, para podermos ter acesso a esses derivados, temos que partir da preservação e do replantio em regiões que eram cercadas pela carnaúba", atentou Nouga.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar