Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Grupo distribui alimento para pessoas em situação de rua

Eles levam alimentos, cobertores e a palavra de Deus

Compartilhe
Google Whatsapp

Vanderson de Paulo


Poucos conhecem a realidade dos moradores de ruas tão bem quanto os "Anjos da Madrugada". Eles levam alimentos, cobertores e a palavra de Deus. A Pastoral do Povo de Rua, é uma delas. Uma equipe de 25 voluntários sai nas madrugadas de Teresina distribuindo alimentos para moradores de rua, além de resgatar a dignidade da pessoa humana, outros grupos também levam carinho a quem muitas vezes sempre é esquecido pela sociedade.

A Pastoral do Povo de Rua trabalha no sentido de resgatar a dignidade da pessoa humana, promovendo a inclusão social dos moradores de ruas e melhorando sua autoestima e principalmente tenta tirá-los da situação em que se encontram, situação essas de extrema vulnerabilidade.

Atualmente, a pastoral funciona na Rua Anísio de Abreu 702, Centro –Sul, espaço cedido em termo de comodato pela Diocese de Teresina-PI. Quem está à frente dentre os serviços já realizados nestes quase 10 anos nas ruas e praças da capital do Estado do Piauí, é o coordenador geral, padre João Paulo.

 (Crédito: Divulgação)
(Crédito: Divulgação)


“Queremos dar um pouco mais de visibilidade ao trabalho da Pastoral junto à sociedade que muitas vezes esquece os irmãos sem teto e que está em total situação de abandono, levando uma vida de risco e exposta aos males. Esse espaço se tornou a casa de muitas pessoas que ficam ao relento e entregues ao abandono. Temos uma programação para acolher os assistidos e assim poder ajudar na internação deles. No domingo, ocorrem orações e missas; na segunda, os cursos profissionalizantes; nas terças, têm terapias comunitárias e oficinas de pinturas; na quarta, ida às casas terapêuticas; nas quintas, oficinas de artesanato; nas sextas, outros cursos, e nos sábados abordagem dos irmãos desamparados nas praças e ruas de Teresina", justifica o padre João Paulo.

Além da doação de alimentos, o grupo de apoio oferece um local para fazer a recuperação dos moradores sem teto. “Entregamos um kit de produtos higiênicos (creme e escova dental, sabonete, aparelho de barbear e shampoo), acolhimento humanizado com higiene pessoal, roupas e calçados, alimentação e algumas vezes, dependendo da situação, doamos também medicamentos. Este trabalho é desenvolvido com atenção à redução de danos de saúde física, mental e espiritual”, argumenta o padre.

Apoiadores são os maiores mantenedores

O grupo conta com apoio de assistência social e jurídica para a regularização e aquisição de documentos de cidadania; encaminhamento para redes socioassistenciais, bem como: Comunidades Terapêuticas para tratamento de substâncias psicoativas, aos CAPS (Centro de Atenção Psicossocial) e demais que formam a Rede.

A Pastoral tem como sua maior mantedora os benfeitores, que são grupos de amigos e apoiadores comerciantes, as Congregações Religiosas Fraternidade, grandes empresários, lojas, colégios, pessoas anônimas.

 (Crédito: Divulgação)
(Crédito: Divulgação)


Para quem desejar ajudar, os moradores da casa necessitam de itens que vão desde alimentos, roupas, calçados e material de higiene pessoal. Aqueles que podem doar devem entregar os materiais na sede da Casa da Pastoral que fica localizada na Rua Anísio de Abreu, n° 702 centro-sul. O local fica por trás da Central de Flagrantes. O telefone para mais informações é o (86) 99978-8088. Conta Bancária para doações: Conta Corrente– Agência Banco do Brasil: 4249 -8 Número da Conta: 116348-4. Em nome de Assoc. São Paulo Apóstolo.

Levar carinho a quem é esquecido

Para a comunidade de frades e freiras franciscanas, a maioria dos moradores de rua são rejeitados pela família por conta da dependência química e do álcool. O Frei Urielsson da Imaculada menciona que muitas vezes essas pessoas precisam apenas de um conselho ou carinho para mudar de vida.

"Visitamos os pobres, aqueles que não têm fé, sempre às quartas-feiras junto com a Pastoral de Rua. Preparamos o almoço e não levamos só o alimento, orações, corte de cabelo e mais o amor por compromisso", relata.

 (Crédito: Divulgação)
(Crédito: Divulgação)


Ele lembrou do caso de um ex-usuário de drogas, que voltou para a casa e conseguiu um emprego após o acolhimento. Resgatar pessoas para Cristo, esse também é o objetivo do grupo. “Os irmãos e as irmãs - freis e freiras- , ajudam aqueles que querem ser chamados. Em nossa sede levamos aqueles que querem passar por uma recuperação, fazemos uma triagem, não obrigamos ninguém, apenas queremos que as pessoas busquem o Cristo flagelado", explica.

A comunidade dos irmãos Frades de Teresina também necessita de ajuda e qualquer item é bem-vindo. O endereço da Casa dos Freis fica na quadra 112, casa 01, Dirceu, próximo à caixa d'água e a igreja Maranata. O telefone é ‎86 3218-4448. A Fraternidade das irmãs “O Caminho” também recolhe alimentos e qualquer ajuda que possa ser levada aos mais necessitados. A entidade fica localizada na Avenida Pernambuco, 64001-310, Vila Operária.


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto

×