Homem chuta cachorro deitado em calçada e causa revolta

Donos do animal dizem que não conhecem o suspeito.

As câmeras de monitoramento de uma padaria de Lages, na Serra catarinense, flagraram um homem chutando um cachorro que estava deitado na calçada. As imagens mostram ainda ele brigando com o dono do cão e depois indo embora. O caso ocorreu na tarde de terça-feira (5).

Depois do chute, o animal, chamado Tortinho, levanta e o homem tenta chutá-lo novamente. O dono do cão, Cesario Muller, que estava próximo, repreende e os dois começam a discutir e chegam a se agredir. Outras pessoas afastam os dois homens e o agressor vai embora.

Após a agressão, o animal foi medicado e passa bem. Ele não teve nenhuma fratura.

Tortinho foi adotado há mais de dez anos pelos proprietários da padaria e é conhecido na cidade, como mostrou o Jornal do Almoço. Todos dizem que o cão é dócil e nunca fez mal a ninguém. Ele passa o dia em frente à padaria e de noite vai para a casa dos proprietários.

Os donos do animal dizem que não conhecem o homem que chutou o cachorro nem a possível motivação do ato de violência.

"Ele já veio uma vez aqui como cliente, mas não sei nome, onde mora, nada. A minha intenção em publicar o vídeo nas redes sociais é criar um olhar para o cachorro de rua, para os maus tratos", diz Thayse Muller, dona do cão e filha de Cesario.

"Todo mundo quer achar o cara. Não é nem uma questão de vingança, mas para perguntar: por que tu fez isso?", questiona a estudante Vitória Rosseto. "Todo mundo está muito indignado", diz outra estudante Kendra Breger.

Um boletim de ocorrência deve ser registrado na tarde desta quarta-feira (6) e o caso também deve ser levado ao Ministério Público, conforme a NSC TV.

O homem que chutou Tortinho pode responder por maus tratos, previsto na lei de crimes ambientais. A pena varia de três meses a um ano de detenção e pagamento de multa.

"Que as pessoas comecem a olhar com outros olhos. A gente não adota mais porque não dá. Cuidem dos animais porque é o amor mais puro e sincero do mundo", completa Thayse.


Fonte: Com informações do G1
logomarca do portal meionorte..com