Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Homem é condenado a morte após assassinar 19 deficientes no Japão

Os advogados do assassino alegaram que Uematsu não poderia ser responsabilizado pelo crime.

Compartilhe

Um homem de 30 anos foi condenado à  morte por ter assassinado 19 deficientes . O massacre aconteceu em 2016 na cidade de Tóquio, no Japão e é considerado um dos piores crimes da história recente do país. As informações são do IG.

Satoshi Uematsu invadiu uma residência que abrigava pessoas com deficiência mental na periferia da capital japonesa portando uma arma branca e assassinou 19 pessoas. Outras 26 ficaram feridas. Ele havia sido funcionário do local anos antes do massacre.

Reprodução/ Twitter

Os advogados do assassino alegaram que Uematsu não poderia ser responsabilizado pelo crime. Segundo ele, no momento em que invadiu a residência, o acusado estava sofrendo de "transtornos mentais" causado pelo uso de drogas.


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar