HU adquire equipamento único no Piauí para neurocirurgia

Atendimento neurológico a pacientes do Sus no HU dará um salto

O Hospital Universitário da Universidade Federal do Piauí ( HU-UFPI) adquiriu no mês de junho 1 microscópio alemão, modelo Pentero, da marca Zeiss, para uso em cirurgias em alta complexidade na área neurológica. Existem apenas 80 aparelhos desse tipo em todo o Brasil, a maioria em hospitais particulares. No Piauí, o HU é o único centro de saúde a dispor do microscópio.

Com a chegada do aparelho, o atendimento neurológico a pacientes da Rede Sus no HU dará um salto em qualidade. De imediato, passaram a ser feitas no HU cirurgias de coluna de alta complexidade, como de hérnia de disco e de tumores na coluna. O primeiro desses procedimentos ocorreu dia 29 de junho, quando os neurocirurgiões Marcílio Barbosa e Marcos Santos realizaram cirurgia para tratamento de uma hérnia de disco cervical em um homem de aproximadamente 50 anos, que sofria com dores há bastante tempo. Desde que o equipamento chegou ao HU, foram realizadas 10 cirurgias de coluna de alta complexidade.

O novo microscópio tornará possível também a realização de cirurgias de aneurisma cerebral e de tumores primários cerebrais ou metástase, no HU. A previsão para início da oferta desses procedimentos é até final de 2017, segundo o neurocirurgião Mauricio Giraldi, coordenador da Unidade Neuromuscular do HU-UFPI.

“ As cirurgias de coluna se tornaram uma realidade dentro do Hospital Universitário. Praticamente fazíamos algumas cirurgias que não dependiam 100% de microscópio. As que dependiam não eram realizadas. Então passaram a ser feitos os procedimentos de coluna com microcirurgia. Já as cirurgias de crânio precisam de alguns outros ajustes, além da necessidade do microscópio, para serem oferecidas ” explicou Giraldi.

O uso do equipamento trará mais segurança e menos risco de complicação aos pacientes.

" O grau de segurança que o microcópio oferece é maior do que os aparelhos com tecnologia inferior a ele. Aumenta o campo de visão do médico, melhora a qualidade de visão do médico durante os procedimentos de microcirurgia, e a consequência disso é um pós-operatório mais seguro para o paciente, pois diminui o número do complicações", detalha o médico.

Giraldi explica ainda que a aquisição do equipamento tem reflexos positivos também para as atividades de ensino, desenvolvidas no âmbito do HU-UFPI. “As cirurgias realizadas com o novo equipamento podem ser assistidas em sala de videoconferência, o que mostra que a expansão do conhecimento por meio da tecnologia é mais um aspecto positivo que estamos vivenciando”, afirma.

Com valor aproximado de R$ 700 mil, o microscópio foi adquirido com recursos da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH), que passou a gerir o HU-UFPI desde de abril de 2013. O preço está abaixo do valor de mercado para o aparelho. Uma outra universidade, por exemplo, chegou a adquirir o microscópio ainda em 2015 pelo valor de R$ 1,6 milhão.

“A equipe do hospital passou a fazer o próprio pregão. No meio do processo, descobrimos que o principal concorrente da marca Zeiss, outra marca também alemã de ponta, acabara de obter liberação da Anvisa para atuar no Brasil. Aí, como não havia sido efetivado o pregão e a lei permitia, conseguimos colocar essa segunda marca pra participar também. A empresa já abriu o pregão com oferta na casa de R$ 700 mil e a Zeiss, vencedora no processo, fez a contraproposta, vencendo o pregão, o que oportunizou uma grande economia para os cofres públicos” , conta Giraldi.



Fonte: Com informações da Ascom
logomarca do portal meionorte..com