Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Idosa de 75 anos que se bronzeava em praia morre atropelada por trator

Mulher de 75 anos tomava sol em São Vicente, SP, quando foi atropelada por trator. Condutor tentou fugir do local, mas foi detido.

Compartilhe

Uma mulher de 75 anos, atropelada por um trator enquanto tomava sol em uma praia de São Vicente, no litoral de São Paulo, não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital onde estava internada. Familiares da vítima afirmam que o veículo era conduzido por um motorista sem habilitação que tentou fugir do local após o acidente, mas acabou sendo detido. As informações são do G1.

Conforme apurado, o atropelamento ocorreu na Praia do Itararé, em São Vicente. Segundo um familiar da idosa, que prefere não se identificar, ela tinha o costume de frequentar a praia que ficava em frente ao seu apartamento.

Foto: Arquivo Pessoal

No dia do acidente, ela estava deitada em uma cadeira de praia, na faixa de areia, quando foi atropelada pelo veículo. Ao ter um dos braços e parte do abdômen e do tórax esmagados, a vítima foi socorrida e encaminhada ao Hospital Municipal de São Vicente, o antigo 'Crei'.

Em entrevista ao G1 nesta quinta-feira (2), o familiar afirma que a idosa foi induzida ao coma devido a gravidade dos ferimentos. "Os remédios não davam conta da dor dela, então o médico a colocou em coma induzido. Depois, a levamos para o Hospital Ana Costa. Agora ela morreu e a família toda ficou sem chão", desabafa.

O familiar aponta, também, a falta de responsabilidade da prefeitura por permitir um funcionário sem habilitação conduzisse um trator em local com grande fluxo de pedestres e banhistas. "Muitas pessoas com quem conversamos disseram que a praia estava lotada. Como pode alguém dirigir um trator em uma praia desse jeito?", questiona.

"Além da tristeza, estamos indignados. O funcionário não era capacitado para conduzir uma máquina pesada e ainda tentou fugir, mas acabou sendo pego. Como família, estamos tentando nos organizar, mas alguém tem que ser responsabilizado pelo que aconteceu", finaliza.

Em nota, a Prefeitura de São Vicente informou que lamenta profundamente o ocorrido e se solidariza com a família. A administração esclareceu que o veículo envolvido no acidente não é de propriedade da prefeitura, e sim de uma empresa contratada e responsável pelos profissionais que o operam.

Segundo a prefeitura, no momento do acidente, quem dirigia o veículo era um ajudante não habilitado. Isso ocorreu porque o motorista havia se ausentado temporariamente. Foi lavrado um boletim de ocorrência no mesmo dia e a Polícia Civil vai investigar o caso e promover a responsabilidade criminal pelo ocorrido, encaminhando o resultado das investigações à Justiça.

A Prefeitura de São Vicente, por meio da secretaria responsável, abriu um Processo Administrativo para apurar os fatos e para que todas as providências cabíveis sejam tomadas. A administração ressalta ainda que está totalmente à disposição para ajudar a Polícia e a Justiça naquilo que for necessário.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar