700 pessoas morrem vítimas de inundações no sul da Ásia

Mais de um milhão de pessoas tiveram que abandonar suas casas.

Pelo  menos 700 pessoas já morreram vítimas das inundações provocadas pela monção no sul da Ásia. De acordo com autoridades do país, 100 mortos foram registrados durante a última noite na Índia e em Bangladesh, ambas castigas por fortes chuvas torrenciais. A Defesa Civil informou que mais de um milhão de pessoas tiveram que abandonar suas casas.

Anirudh Kumar, responsável de alto escalão da Proteção Civil no estado de Bihar, leste da Índia, afirmou que foram recuperados 53 corpos a medida que o nível da água começou a baixar em algumas áreas. "O balanço total de mortos [no local] chega a 205", disse Kumar à France Presse.

Cerca de 400 mil pessoas permaneciam em abrigos habilitados pelas autoridades nesse estado. A situação é a pior desde 2008, quando cerca de 300 pessoas morreram. No estado vizinho de Uttar Pradesh, foram registrados 69 mortos e dois milhões de atingidos pelas inundações.

Estes dois estados indianos são fronteiriços com o Nepal, que também se viu danificado pelas inundações e deslizamentos de terra que mataram 135 pessoas. Outras 30 são consideradas desaparecidas após o que a ONU qualificou como as piores inundações no país em 15 anos.

Locais atingidos pelas inudações (Crédito:  National Disaster Response Force via AP)
Locais atingidos pelas inudações (Crédito: National Disaster Response Force via AP)



Fonte: Com informações do G1
logomarca do portal meionorte..com