Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Acesse a versão para celular

Serra Leoa: 109 crianças e adolescentes já morreram devido chuvas

Número pode aumentar visto que as buscas seguem sendo feitas.

Serra Leoa: 109 crianças e adolescentes já morreram devido chuvas
Serra Leoa: 109 crianças e adolescentes já morreram devido chuvas | Ernest Henry/Agência Lusa
Compartilhe
Google Whatsapp

Pelo menos 109 menores de idade estão entre as mais de 300 pessoas que morreram por causa de inundações e deslizamentos de terra provocados pelas chuvas em zonas próximas a Freetown, capital de Serra Leoa, informou o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) nesta quinta-feira (17).

O número pode aumentar na medida em que forem feitos os trabalhos de busca e resgate, já que ainda existem pelo menos 600 pessoas desaparecidas. Atualmente, cerca de 3 mil estão desalojados.

País é castigado pelas fortes chuvas (Crédito: Ernest Henry/Agência Lusa)
País é castigado pelas fortes chuvas (Crédito: Ernest Henry/Agência Lusa)

"O tamanho do estrago não tem precedentes. As crianças estão ficando sem lar e vulneráveis", disse o representante do Unicef no país, Hamid El-Bashir Ibrahim.

Em comunicado, o Unicef explicou que distribuiu água potável às famílias afetadas, além de medicamentos, lonas plásticas e luvas, a partir de um pedido do governo. de apoio internacional. As equipes da Organização das Nações Unidas (ONU), junto com o Executivo, estão habilitando tanques de armazenamento de água para distribuir entre os deslocados e assim evitar surtos de cólera, febre tifoide e outras doenças, já que muitos poços ficaram contaminados após o desastre.

Nesta semana, famílias inteiras estão lotando os necrotérios para identificar e retirar os corpos de parentes. O governo decretou sete dias de luto.

As inundações começaram a ser registradas na última segunda-feira (14) em lugares de Freetown onde existiam muitas construções ilegais. Boa parte dessas casas foi totalmente destruída. Grandes deslizamentos de terra derrubaram edifícios altos e pelo menos mil casas foram cobertas de barro nas áreas mais atingidas, entre elas Racecourse, Regent e Lumley, onde predominam os imóveis improvisados.


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp
Carregar os comentários (0)

comentários

fechar comentários
Nenhum comentário feito até o momento

veja também

Recomendamos

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto