Suspeito usa banheiro durante assalto e é identificado pelo DNA

Acusado foi preso em julho, na Califórnia

Autoridades disseram que um suspeito de furtar uma casa na Califórnia, no Estados Unidos, foi ao banheiro da casa durante o assalto, esqueceu de puxar a descarca, deixou "prova de DNA" no banheiro e isso acabou provocando sua prisão.

O policial Tim Lohman, do condado de Ventura, disse que o suspeito não puxou a descarga durante o assalto, ocorrido em outubro passado na cidade de Thousand Oaks. Ele afirma que isso permitiu que os policiais colhessem "provas" para um exame de DNA.

Andrew David Jensen (Crédito: Reprodução)
Andrew David Jensen (Crédito: Reprodução)

O DNA obtido "casou" com o de um suspeito que estava em um banco de dados nacional, o que permitiu que a polícia encontrasse o suspeito em sua casa, na cidade de Ventura.

Andrew David Jensen, de 42 anos, foi preso em 28 de julho. Ele deve comparecer ao tribunal nesta quarta (9).

Fonte: Com informações do G1