Levantamento aponta que 22 bancos foram assaltados no Piauí em 2016

O maior algo é o interior do estado

Pesquisa inédita  realizada pelo Sindicato dos  Bancários aponta no ano de 2016 de Janeiro a Dezembro foram registrados 22 assaltos a bancos, correspondentes bancários e caixas eletrônicos em todo o Piauí.

O levantamento não incluiu a explosão dessa quinta feira(29). Com ela são 23 os bancos assaltados neste ano.

No levantamento o Sindicado dos Bancários mostra que o primeiro assalto ocorreu nas primeiras horas do dia 01 de janeiro quando bandidos arrombaram a agência do Bando do Brasil de Valença. 

A ação dos bandidos ocorreram em grande número no interior do estado onde não há policiamento suficiente, para conter os arrombamentos e explosões. Entre as cidades afetadas estão: Valença do Piauí, Gilbues, Beneditinos, Piracuruca, Inhuma, Castelo do Piauí, Amarante, Altos, São Miguel do Tapuio, Monsenhor Gil, Monsenhor Hipólito, Dom Expedido Lopes, Demerval Lobão e Luís Correia.

Caixa Eletrônico arrombado nests quinta(29) (Crédito: Efrem Ribeiro)
Caixa Eletrônico arrombado nests quinta(29) (Crédito: Efrem Ribeiro)



O banco mais afetado com a ação dos criminosos foi o Banco do Brasil com 12, caixas arrombados, em seguida vem o Bradesco com 06, (todas no interior), Caixa Econômica Federal com 02 e Santander também com 02.

O diretos dos recursos humanos do Sindicato dos Bancários, José Emiliano declarou que os assaltos no estilo cangaceiro (ação que os bandidos invadem agência e fazem clientes e funcionários reféns), foram reduzidos. Esse tipo de ação demanda custo e a identificação dos assaltantes era quase imediata.

"Houve uma redução no estilo cangaceiro, eles preferem explodir os caixas na madrugada pela praticidade. Eles chegam explodem pegam o dinheiro e fogem, sem ser identificados.", afirmou José Emiliano.

Fonte: Efrém Ribeiro - Jornal MN