Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

MA: Coronel e cabo são presos acusados de chefiar grupo de extermínio

Guardas municipais estão entre as vítimas

Compartilhe

A Polícia Civil do Maranhão prendeu, na  quarta-feira, 13, o Tenente Coronel Antônio José Ferreira, conhecido como “Coronel Ferreira”, acusado de chefiar uma organização criminosa, especializada em extermínios e assaltos, que agia há alguns anos na região de Viana, Matinha, Penalva e cidades vizinhas. As informações são do Blog do Gilberto Lima.

Foi preso, também, o cabo Anderson Loureth Azevedo, apontado como braço direito de Ferreira. O grupo de extermínio é composto por policiais militares e guardas municipais da região. Os criminosos são responsáveis pela execução de vários guardas municipais, ao longo de dois anos, por ‘queima de arquivo’.

As investigações sobre a organização criminosa iniciaram há cerca de dois anos, ainda com a delegada Nilmar da Gama Rocha, que à época estava como assistente da Delegacia Geral de Polícia, da Secretaria da Segurança Pública.

Nilma Gamar intensificou o trabalho e conseguiu prender cerca de 15 integrantes da milícia. No entanto, sofreu um acidente e teve que se aposentar, deixando as investigações em andamento com a SECCOR (Superintendência de Combate à Corrupção), que prosseguiu as apurações; desta feita, direcionadas aos chefes da organização criminosa.

Há informações de que o grupo estaria planejando uma nova execução, além das várias que fez ao longo dos anos, incluindo o assassinato de alguns guardas municipais. Estes foram mortos quando as investigações da delegada Nilmar vieram à tona.

Na iminência do desbaratamento da quadrilha, diante da pressão e até prisão de guardas, a organização criminosa decidiu executar alguns deles. Os crimes tiveram grande repercussão na Baixada Ocidental Maranhense.

Uma nova informação dá conta de que a prisão do ‘Coronel Ferreira’, em Viana, foi feita com apoio do comandante e do subcomandante do CME – Comando de Missão Especial -, em cumprimento a mandado judicial. Em São Luís, a prisão do cabo Anderson Loureth foi feita pela Polícia Civil.



Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar