Mais de 200 mil estudantes piauienses das redes estadual e municipal de ensino devem participar do Sistema de Avaliação Educacional do Piauí (Saepi). A avaliação será aplicada entre os dias 24 e 27 de outubro. O objetivo é produzir diagnósticos periódicos acerca da qualidade do ensino, monitorando a educação pública ofertada e dando subsídios para que as políticas públicas educacionais possam ser desenhadas, implementadas e monitoradas.

O Saepi 2022.2 compreenderá a aplicação de testes nas disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática, envolvendo 245.103 estudantes das redes estadual e municipal. A avaliação contemplará os estudantes regularmente matriculados no 2º, 5º e 9º anos do ensino Fundamental, de ambas as redes, e os estudantes do 6º ano do ensino Fundamental e da 1ª, 2ª e 3ª séries do ensino Médio Regular e integrado da rede estadual.

Avaliação será aplicada nos dias 24 e 27 (Divulgação)Avaliação será aplicada nos dias 24 e 27 (Divulgação)

Para o secretário de Estado da Educação, Ellen Geramonitorar o trabalho realizado pela educação é um processo necessário. “O Saepi é uma avaliação intencional e necessária para a melhoria do ensino e da aprendizagem, além de ser uma forma de prestar contas à sociedade sobre o papel da escola como instituição de transformação social. A partir dessa compreensão, a rede estadual de ensino do Piauí assume como tarefa, avaliar o processo ensino/aprendizagem e promover modificações em suas práticas pedagógicas, tendo em vista a necessidade de um melhor desempenho acadêmico escolar do seu alunado”, destaca o secretário.

Maria José Mendes Neta, diretora da Unidade de Ensino e Aprendizagem, explica que a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) mobilizou toda a rede para a realização do Saepi, tanto preparando os profissionais envolvidos, como mostrando para os alunos a importância de participarem do processo.

“A Seduc vem realizando uma série de formações para os profissionais da educação que participarão da organização e aplicação do Saepi nas escolas e os estudantes estão cientes da necessidade de fazer as provas. Outro ponto importante é que os estudantes com deficiência ou transtorno do desenvolvimento poderão ser atendidos por profissionais de apoio: Ledor/Transcritor e Intérprete de Libras/Leitura Labial. Esses profissionais serão disponibilizados pela escola, de modo a garantir que todos os estudantes possam participar da avaliação”, concluiu a diretora.

Cronograma de aplicação das provas: 

Data: 24/10 

Rede Municipal: 2° ano do Ensino Fundamental (Língua Portuguesa)

Rede Estadual: 2° ano do Ensino Fundamental (Língua Portuguesa) /  1ª série do Ensino Médio (Língua Portuguesa e Matemática)

Data: 25/10 

Rede Municipal: 2° ano do Ensino Fundamental (Matemática)

Rede Estadual: 2° ano do Ensino Fundamental (Matemática) / 2° série do Ensino Médio (Língua Portuguesa e Matemática)

Data: 26/10 

– Rede Municipal: 5° ano do Ensino Fundamental (Língua Portuguesa e Matemática)

– Rede Estadual: 5° ano do Ensino Fundamental (Língua Portuguesa e Matemática)

 Data: 27/10 

-Rede Municipal: 9° ano do Ensino Fundamental (Disciplina: Língua Portuguesa)

– Rede Estadual: 6° e 9° ano do Ensino Fundamental (Língua Portuguesa e Matemática) / 3° série do Ensino Médio (Língua Portuguesa e Matemática)

Fonte: Seduc