mais
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Maranhão: BR-316 tem trecho de 50 metros repleto de buracos

Motoristas reclamam de prejuízos com os veículos e até assaltos.

A BR-316, no Maranhão, tem trechos quase intrafegáveis e os motoristas reclamam de prejuízos com os veículos e até assaltos em alguns pontos. Um trecho de aproximadamente 50 metros da rodovia federal, que passa pelo município de Bom Jardim, distante 188 km de São Luís, coloca em risco os motoristas devido a estes buracos.

A situação não é recente, pois a reclamação vem desde o período chuvoso, ainda no início do ano. reclamação igual tem entre os municípios de Maracaçumé e Maranhãozinho.

BR-316 (Crédito: Reprodução/TV Mirante)
BR-316 (Crédito: Reprodução/TV Mirante)

Em Bom Jardim, os buracos estão nos dois lados da pista e até no acostamento. Em alguns momentos, motoristas invadem a contramão para evitar os buracos e aí o risco de acidentes aumenta. A via é importante para escoar a produção para a Região Norte. Muitos caminhoneiros viajam pelo trecho para chegar ao Pará, por exemplo.

Para piorar a situação dos motoristas, se tiver diminuição de velocidade por causa dos buracos, o condutor corre o risco de ser alvo de assaltantes. Por outro lado, se desenvolverem uma velocidade maior para evitar a abordagem criminosa, o risco passa a ser de avarias no veículo, como pneus cortados, peças quebradas e até acidentes.

Nesta mesma rodovia federal, entre Santa Inês e Pindaré-Mirim, buracos também eram vistos, mas recentemente houve a correção neste ponto da BR. Só que entre os municípios de Maracaçumé e Maranhãozinho ainda há muitos buracos.


Tópicos

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail