Mariano Marques apresenta melhora e segue fazendo hemodiálise

Apresentador foi esfaqueado na noite de sábado (21), no Centro.

O último boletim médico emitido pelo Hospital de Terapia Intensiva (HTI) Sul, onde segue internado o apresentador Mariano Marques, esfaqueado durante uma tentativa de assalto no dia 21 de janeiro, na Praça do Liceu,  Centro de Teresina, apontou melhora. O boletim, assinado pelo médico Ismar Martins, diz que Mariano precisa  continuar realizando hemodiálise.

"Paciente evolui com melhora clínica, acordado lúcido e orientado, respirando espontaneamente, sem suporte de oxigênio, sem febre, pressão arterial estável. Alimentando-se por via oral, melhora discreta da diurese hoje, porém ainda necessitando de sessões de hemodiálise, realizada hemodiálise hoje”, diz o boletim. 

Na semana passada,  o apresentador  teve uma hemorragia no sistema gastrointestinal, mas vem reagindo bem ao tratamento.

Na tentativa de assalto, ocorrido próximo a praça do Liceu, o apresentador foi ferido nos dois braços e perdeu muito sangue. O crime ainda está sendo investigado, mas a polícia já conseguiu prender o acusado que afirmou que não lembra o que fez por está sob efeito de drogas.

Apresentador Mariano Marques
Apresentador Mariano Marques


Mariano Marques é esfaqueado 

O apresentador de TV e amigo de Mariano, Ítalo Mota, afirmou que o jornalista estava  caminhando no Centro quando um homem tentou assaltá-lo e antes que ele esboçasse qualquer reação, o esfaqueou nos dois braços. Segundo ele, no braço esquerdo a facada atingiu uma artéria que provocou grande derramamento de sangue no local, o que fez Mariano cambalear e sua pressão baixar.

“O médico disse que Mariano teve sorte em sobreviver, porque perdeu muito sangue”, declarou Ítalo Mota. Ainda segundo ele, por sorte Mariano foi socorrido ainda no local por uma enfermeira do hospital Unimed que amarrou o braço do apresentador utilizando uma camisa para estancar o sangue e o encaminhou imediatamente para o hospital HTI,

 Mariano Marques
Mariano Marques



Fonte: Portal Meio Norte