Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Mel e caju ganham centrais de cooperativas

Mel e caju ganham centrais de cooperativas

Compartilhe

Dois importantes empreendimentos ser?o oficialmente inaugurados no dia 18 deste m?s, em Picos, distante 306 quil?metros ao sul de Teresina. A Casa Apis e a Cocajupi. A primeira ? a Central das Cooperativas Ap?colas do Semi-?rido, a Casa Apis, e vai transformar a regi?o em um dos principais centros produtores de mel do pa?s e da Am?rica Latina.

A inaugura??o ter? as presen?as do Ministro do Desenvolvimento Social e Combate ? Fome, Patrus Ananias; do governador Wellington Dias; do presidente do Conselho Deliberativo Estadual do Sebrae no Piau?, Ulysses Moraes; do presidente da Funda??o Banco do Brasil, Jacques Pena, al?m de demais autoridades federais, estaduais, municipais e lideran?as empresariais daquela regi?o. A solenidade tem inicio ?s 09h.

Com incentivo ?s a?es de comercializa??o, a Casa Apis surge para inovar e ter? tamb?m uma capacidade de processar at? duas mil toneladas de mel/ano. A central vai beneficiar 1.500 apicultores do Piau? e do Cear?. A central ? um grande trabalho entre parceiros institucionais como Sebrae, Funda??o Banco do Brasil, Governo do Piau?, Federa??o das Entidades Ap?colas do Piau?, Feapi; Rede Unitrabalho, Unisol Brasil, das prefeituras de 42 munic?pios envolvidos no projeto, al?m de cooperativas de apicultores do Piau? (Campil, Cooapi, Comapi, Coopix , Coodevarpi, Coabel e Compai) e do Cear? (Cooperanecta e Cooapis-Cariri).

A segunda ? a Central de Cooperativas de Cajucultores do Estado do Piau?, que re?ne 478 fam?lias de produtores e mais cerca de 300 pessoas envolvidas diretamente no trabalho de 8 mini-f?bricas de beneficiamento de castanha de caju e na pr?pria Cocajupi. O projeto prev? a instala??o de 10 mini-f?bricas e oito j? est?o em funcionamento. A iniciativa envolve os munic?pios de Altos, Vila Nova do Piau?, Francisco Santos, Ipiranga do Piau?, Itain?polis, Jaic?s, Campo Grande do Piau?, Monsenhor Hip?lito, Santo Ant?nio de Lisboa e Pio IX.

O objetivo da central ? evitar a atua??o de intermedi?rios na coleta e comercializa??o da castanha de caju, garantindo mais lucros aos produtores.

O projeto ? uma a??o do Servi?o de Apoio ?s Micro e Pequenas Empresas, Sebrae no Piau?, em parceria com a Funda??o Banco do Brasil, Governo do Estado atrav?s da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Rural,Empresa de Assist?ncia T?cnica e Extens?o Rural, Emater do Piau?; Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecu?ria, Embrapa; Banco do Brasil, Banco do Nordeste do Brasil; Companhia Nacional de Abastecimento, Conab.

"Esses dois empreendimentos representam a for?a da parceria firmada em institui?es, apicultores e cajucultores. As centrais v?o fortalecer esses mercados, tornar melhor tanto o mel quanto a castanha e os demais produtos derivados, abrir novos mercados, desenvolver mais tecnologias para incrementar a produ??o e, o principal, mostrar a for?a do trabalho em equipe nesses dois segmentos. O Piau? est? dando passos largos e eficientes para a melhoria da qualidade de vida de milhares de empreendedores do Estado", avalia o diretor superintendente do Sebrae no Piau?, Delano Rodrigues Rocha.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar