Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Casa Meio Norte, mantida pelo Empresário Paulo Guimarães, é visitada por membros da UNESCO

A equipe da Unesco foi recepcionada pelos alunos da escola e mostraram que a instituição é um exemplo de como a rede pública pode dar bons resultados

Casa Meio Norte, mantida pelo Empresário Paulo Guimarães, é visitada por membros da UNESCO
Casa Meio Norte referência no mundo em educação. | Divulgação
Compartilhe

Com exemplo de escola que vem desafiando o contexto em que reside, a Escola Meio Norte, mantida pelo empresário Paulo Guimarães,  chamou a atenção da equipe da Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura), que visitou a unidade na tarde de ontem (22). Recepcionados com animação e canções, os representantes consideraram a escola um exemplo de como a escola pública pode dar bons frutos.


Membros da UNESCO visitam Casa Meio Norte em Teresina

Durante a visita, Lucian Muñoz, representante da Unesco para Educação no Brasil, contou que a visita à Casa Meio Norte pode significar uma posterior aliança com a organização, dentre os projetos já existentes para este setor entre os vários que já existem no Brasil. A escola também contou com a visita da representante das Telivisões Públicas latino-americanas.

A equipe veio para realizar outros projetos e dialogar com o governador do Estado e outros representantes do poder público para se pensar em políticas públicas no local.

Para a coordenadora pedagógica da Escola, o motivo de tantas visitas, inclusive de organismos internacionais, é ter a capacidade de transformação diante de um contexto adverso.

?Há 13 anos ninguém acreditou que a escola que tinha um índice de 64% de evasão escolar e outras dificuldades poderia hoje render os frutos que hoje temos?, diz a coordenadora Ruthneia Lima Costa.


Membros da UNESCO visitam Casa Meio Norte em Teresina

Ela lembra que hoje a escola sustenta uma posição de destaque entre as instituições onde as crianças mais leem livros, em todo país, e também tem uma das melhores notas do Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica).

Atualmente a meta da escola é 40 livros por ano. Havendo também um projeto para que a comunidade, Vila Bandeirante, leia pelo menos 15 livros por ano.

?Trabalhei em muitos países da Europa e da África, mas vi poucas escolas como esta, com tanta determinação e tão bonita. Esta é uma experiência que a gente não conhecia, mas que nos fala muito.

Nós da Unesco temos como meta promover educação, ética e valores e sabemos o quanto é difícil no contexto em que vivemos, mas estas experiências nos mostram que é a chave para que a sociedade se desenvolva e onde os indivíduos podem se realizar pessoalmente?, diz Lucian Muñoz.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar