Menor é morto a tiros ao tentar assaltar capitão da Polícia Militar

Rapaz saiu da Fundação Casa há 15 dias

Um adolescente de 17 anos foi morto ao tentar assaltar um capitão da Polícia Militar na marginal da Via Expressa Sul, em Praia Grande, no litoral de São Paulo, no fim da tarde deste domingo (16). O policial estava com um grupo de ciclistas, que transitava na pista, e reagiu à ação do suspeito.

A tentativa de roubo ocorreu na Avenida Almeida Vinhas, no bairro Vilamar. Segundo informações da polícia, o grupo estava pedalando na via quando foi surpreendido pelo rapaz armado. Entre os ciclistas estava o capitão, que comanda um dos helicópteros Águia.

De acordo com a polícia, quando o menor anunciou o assalto, o policial disparou três tiros contra o suspeito, que morreu no local. Em seguida, alguns dos ciciclistas do grupo relataram o ocorrido em uma base próxima da Polícia Rodoviária Estadual. Uma equipe foi deslocada para prestar apoio.

Outros soldados do policiamento urbano também atenderam a ocorrência. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado para socorrer o suspeito, mas a equipe constatou a morte dele ainda no local. Com o jovem havia um revólver calibre 22.

Na delegacia, os policias descobriram que o adolescente já tinha passagem criminal. Há 15 dias, segundo informações da PM, ele tinha saído de uma internação na Fundação Casa, para onde foi encaminhado após se envolver em um roubo a residência em Mongaguá (SP).

Image title

Fonte: Com informações do G1
logomarca do portal meionorte..com