Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

"Meu Natal acabou", diz parente dos afogados em Praia Grande

Uma menina e quatro homens morreram. Um deles estava em lua de mel

Compartilhe

Três homens e uma criança da mesma família morreram afogados por volta das 13h desta segunda-feira (17) em Praia Grande, no litoral de São Paulo. Duas crianças, que também se afogaram, foram resgatadas com vida. A família, de Várzea Paulista, estava passando o dia no litoral de São Paulo. Para os parentes das vítimas, o Natal acabou para a família. Um dos homens que morreu havia casado no último sábado (15). As outras vítimas foram o filho dele, o cunhado e a sobrinha da esposa.


Meu Natal acabou

A família chegou em Praia Grande na manhã desta segunda-feira em uma van. Logo depois, foram para a praia. Segundo o Corpo de Bombeiros, o acidente aconteceu quando uma menina de 11 anos foi surpreendida por uma onda, se desequilibrou e foi arrastada pela correnteza. Oito pessoas estavam na água. Os familiares tentaram ajudá-la e acabaram se afogando também. Seis pessoas entraram em processo de afogamento. Três homens, que tentaram salvar a criança, saíram do mar com parada cardiorrespiratória e morreram. Duas meninas sobreviveram e não correm risco de morte. A menina de 11 anos ficou desaparecida.

A dona de casa Geane Queiroz, que é parente das vítimas, estava na areia na hora do afogamento e foi o filho dela que avisou que alguma coisa errada estava acontecendo no mar. ?Meu menino veio correndo junto com a menina, a minha sobrinha, ai eles falaram que iam pedir ajuda. Eu já fiquei desesperada. Foi coisa de segundos?, contou ela.

Um deles, Rogério Garcia Miranda, de 41 anos , estava na cidade para curtir a lua de mel, já que havia casado no último sábado, junto com o filho dele, de 17 anos, e o cunhado, de 27 anos. Eles morreram tentando salvar a menina.

Maria Gomes Ferreira, parente das vítimas, disse que o cunhado casou com a irmã dela no sábado e que vieram para o litoral comemorar o casamento. Antes do almoço, eles resolveram ir para a praia. ?As crianças entraram na água e ficaram pulando onda. A maré levou eles para o meio e as crianças pediram socorro. Os adultos foram socorrer e não voltaram mais. Quando voltaram, voltaram mortos", lamenta.

As buscas pela menina de 11 anos foram realizadas pelo helicóptero águia com auxílio de uma embarcação, um bote de salvamento inflável e uma moto aquática. O corpo dela foi encontrado pelos bombeiros no final da tarde desta segunda-feira. ?Eu nunca esperava que ia passar por isso.É muito difícil. Meu Natal acabou?, falou Geane.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar