Ministério Público cobra retirada de aguapés dos rios de Teresina

O procurador solicitou audiência.

O Ministério Público Federal no Piauí (MPF/PI) se reuniu no último dia 17, com representantes da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semam), da Empresa Água e Esgotos do Piauí - AGESPISA e da Empresa Águas de Teresina - AEGEA para cobrar planejamento e organização no cumprimento do acordo firmado dentro do processo nº 2003.40.00.001796-1 que trata sobre a preservação dos rios Poti e Parnaíba, com a retirada dos aguapés, anualmente, até que a solução definitiva seja implementada com a cobertura integral da rede de esgoto de Teresina, hoje com apenas 18%.

O procurador da República solicitou ao juízo da 2ª Vara Federal audiência com as partes envolvidas, para esclarecimentos sobre o cumprimento do Termo de Ajuste de Conduta, que prevê diversas obrigações ambientais, especialmente em razão, da subconcessão do serviço de água e esgoto da capital.


Fonte: Ascom
logomarca do portal meionorte..com