Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

MPPI acompanha ações de prevenção de possíveis enchentes em Piripiri

Como medidas complementares, o MPPI recomendou ao Poder Público de Piripiri e Brasileira que tomem medidas em caráter de urgência, em razão da possível ocorrência de danos à vida e à integridade física dos seus munícipes.

Compartilhe

O Ministério Público do Estado do Piauí (MPPI), por meio da 3ª Promotoria de Justiça de Piripiri, instaurou o Procedimento Administrativo nº 60/2020 para acompanhar a adoção de medidas preventivas, mitigadoras e assistenciais em caso de atuais e possíveis enchentes no primeiro semestre deste ano nos municípios de Piripiri e Brasileira.

Isto porque fortes chuvas vêm atingindo estas localidades nos últimos dias, provocando alagamentos e deixando a população ilhada ou desabrigada. "O MPPI tomou conhecimento de que recentes análises das condições atmosféricas fornecidas pelos climatologistas sinalizam o aumento exponencial da umidade canalizada do Oceano Atlântico para o Nordeste, favorecendo o surgimento de considerável volume de chuvas no Piauí para o primeiro trimestre de 2020, que poderão resultar em enchentes, inundações ou movimento de massas em áreas urbanas e rurais, com prejuízos já perceptíveis nesses municípios", explica o promotor de Justiça Nivaldo Ribeiro.

Divulgação/ Portal do Governo do Piauí

Diante da situação, o MPPI realizou reunião com o secretário Estadual de Defesa Civil do Estado do Piauí, Geraldo Magela, que orientou municípios com risco de ocorrência de enchentes a promover medidas de caráter preventivo, como a limpeza de canais, galerias e bueiros, além do desassoreamento de rios e riachos, sobretudo em áreas urbanas, com o objetivo de reduzir o potencial das enchentes e facilitar o escoamento pluvial.

Como medidas complementares, o MPPI recomendou ao Poder Público de Piripiri e Brasileira que tomem medidas em caráter de urgência, em razão da possível ocorrência de danos à vida e à integridade física dos seus munícipes. Desta forma, os municípios deverão identificar e mapear as áreas de risco de desastres, promover fiscalização das áreas de risco de desastres e vedar novas ocupações nessas áreas.

Além disso, recomenda-se que os municípios verifiquem a necessidade de declarar situação de emergência e estado de calamidade pública, vistoriem edificações e áreas de risco e promovam, quando for o caso, a intervenção preventiva e a evacuação da população das áreas de alto risco ou das edificações vulneráveis.

Divulgação/ Portal do Governo do Piauí

O MPPI também pede que sejam criadas equipes de Defesa Civil e Assistência Social para acolher e atender eventuais desabrigados e sejam definidos três imóveis na área urbana do município que possam ser utilizados em situação de enchentes, um para o Comando de Operações no município, um para alojamento do Corpo de Bombeiros e outro para alojar possíveis desabrigados.

Caso ainda não façam parte do Sistema Integrado de Informações Sobre Desastres (S2ID), os municípios deverão se cadastrar, com o objetivo de atingir maior eficiência de movimentação dos órgãos competentes no caso de enchentes e outros tipos de desastres, promovendo, dessa forma, o fiel acompanhamento da ocorrência de eventuais desastres naturais, bem como a eficiência das medidas preventivas em tais circunstâncias.

Com informações do MPPI







Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar