mais

Mulher é enterrada viva após ser estuprada e golpeada no estômago

O crime aconteceu no Mato Grosso em Setembro do ano passado, mas o agressor só foi encontrado agora

Um homem foi preso sob suspeita de estuprar e enterrar viva a jovem identificada como Laura Batista de Souza, de 28 anos, em Santa Cruz do Xingu (MT). O crime ocorreu em setembro de 2020, mas somente agora o agressor foi encontrado. 

As informações são do Uol. Segundo a Polícia Civil, o homem foi encontrado em uma fazenda em Juara. Ele foi indiciado por homicídio qualificado, estupro e ocultação de cadáver.

 Laura Batista de Souza/ Foto: Reprodução Laura Batista de Souza/ Foto: Reprodução 

Laura foi dada como desaparecida em 2 de setembro de 2020, após o patrão procurar pela polícia e afirmar que a jovem havia deixado o trabalho com um homem e não havia dado notícias desde então. 

Em 11 de setembro, a PM recebeu uma denúncia sobre uma escavação encontrada em um local em que deveria haver uma cisterna, dentro da chácara do suspeito. Lá, os agentes encontraram o corpo de Laura, que apresentava lesões de arma branca. Laudos periciais mostram que a vítima foi estuprada, depois golpeada no estômago com uma faca. 

O homem, então, a enterrou ainda viva. O inquérito concluiu que a vítima e o autor não se conheciam e tiveram o primeiro contato na data da morte.

 

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail