A Companhia Independente de Policiamento do Promorar, informou que o neto da mulher identificada como Júlia Soares Brandão, de 52 anos, presenciou a vítima sendo assassinada pelo próprio pai, na manhã desta sexta-feira (2), com um tiro no peito no bairro Vamos Ver o Sol, na zona sul de Teresina. 

Segundo informações preliminares, o principal suspeito do crime é o ex-genro da vítima identificado como Charles Gois Nunes. O acusado estava deixando o filho quando atirou contra a ex-sogra e a criança testemunhou o homicídio.

Mulher é assassinada com tiro no peito em Teresina e ex-genro é o principal suspeitoMulher é assassinada com tiro no peito em Teresina e ex-genro é o principal suspeito

Populares ainda chegaram a acionar uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas a mulher não resistiu e veio a óbito no local.  De acordo com familiares, o casal estava separado há cerca de quatro meses devido a agressões praticadas por Charles contra a ex-companheira, e desde então, o suspeito ameaçava toda a família da ex-esposa.

A Polícia Militar está em diligências no sentido de localizar o suspeito, que fugiu em um carro modelo Classic, levando a criança.  O caso será encaminhado para o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).