Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Municípios piauienses terão R$400 mil em combate a seca

Os recursos, segundo Arinaldo, serão destinados para construção de açudes, aguadas, contratação de carros-pipas, compra de ração animal e outras ações

Compartilhe

Os municípios do Piauí em situação de emergência por causa da seca vão receber, cada um, R$ 400 mil como ajuda do goveno federal para amenizar situação desses muncípios no interior do Estado. A informação é do presidente da APPM, Arinaldo Leal, que esteve reunido junto a presidentes de associações de prefeitos municipais do Nordeste e o ministro da Integração Nacional Fernado Bezzera e representante da Defesa Civil Nacional, em Brasília.

Os recursos, segundo Arinaldo, serão destinados para construção de açudes, aguadas, contratação de carros-pipas, compra de ração animal e outras ações nos municípios da região Nordeste onde a situação é mais grave.

Os prefeitos se mobilizaram para pedir as ações imediatas e sem burocracia. Participaram da reunião representantes de sete Estados ? Bahia, Pernambuco, Paraíba, Piauí, Sergipe, Alagoas e Rio Grande do Norte. Foi entregue uma pauta com os pedidos de ações urgentes e estruturais.

O presidente da APPM, Arinaldo Leal, acompanhou a reunião preliminar onde os gestores apresentaram as dificuldades e, após depoimentos, formularam uma pauta única de reivindicações.

Os pedidos entregues ao governo federal são: a destinação de recursos por meio de um cartão onde o prefeito possa contratar serviços urgentes; verba para o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) modalidade SECA; prorrogação de programas como Garantia-Safra e Bolsa Estiagem; renegociação das dívidas municipais e a instalação de um gabinete para orientação durante crises.

Fernando Bezerra apresentou o balanço das medidas adotadas pelo governo até o momento. Também adiantou que as previsões climáticas não são favoráveis e que a chuva necessária para acabar com o problema não deve chegar tão cedo.

Segundo o ministro, os Ministérios da Integração, do Planejamento e da Fazenda se reuniram para apresentar uma proposta à presidente Dilma Rousseff. E ela deve anunciar ainda nesta semana ou na próxima as ações para ajudar os municípios.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar