Mutirão:Hospital de Esperantina realizou 150 cirurgias de catarata

De 2016 a 2017, 700 pessoas foram beneficiadas

A maior ação oftalmológica já realizada em Esperantina ocorreu neste fim de semana, de 28 a 30 de julho, no Hospital Estadual Dr. Júlio Hartman, com 221 pessoas atendidas com consulta e cerca de 150 cirurgias de catarata realizadas. Com a ação, já foram 696 cirurgias entre 2016 e 2017, integrando a estratégia de descentralização dos serviços da Secretaria de Estado da Saúde. 

Esperantina consolida-se como referência, no território dos Cocais, na assistência aos pacientes que demandam atendimento oftalmológico, com a realização de consultas, exames e cirurgias. Toda estrutura é levada àquele hospital, contando com equipe médica e demais profissionais de saúde, além de equipamentos para o centro cirúrgico. 

Mutirão aconteceu no último final de semana  (Crédito: Reprodução)
Mutirão aconteceu no último final de semana (Crédito: Reprodução)

De acordo com o secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, “o formato de mutirões atende de forma rápida e descentralizada a população, principalmente os idosos, que não precisam vir a Teresina para essa cirurgia, que é simples, mas que, ao mesmo tempo, traz muitos benefícios e muda a vida dessas pessoas”.

O diretor-geral do hospital, Davyd Basílio, destaca que graças a esse atendimento realizado na área da oftalmologia, os pacientes podem desfrutar de uma visão melhor.

“Percebemos o quanto é gratificante, frente a esse trabalho, ver o sorriso no rosto desses pacientes com melhora não só na saúde visual, mas também na qualidade de vida”, acrescentou Davyd. 

Fonte: Portal Meio Norte