No Ceará, 'atrasada' no Enem descobre que prova foi adiada

Local foi ocupado na noite e só hoje candidatos foram avisados

Paloma de Souza Monteiro, de 16 anos, achou que havia chegado atrasada ao local de prova do Exame Nacional do Ensino Médio e descobriu no local que o concurso será adiada para ela mais 430 pessoas inscritos na Faculdade de Educação da Universidade Federal do Ceará. Com a ocupação, o campus foi o único local de prova do Ceará afetado pelo adiamento.


"Estou me sentido aliviada, pois achava que o portão já havia sido fechado e eu não poderia fazer a prova", relata a estudante. Ela é estudante do 2º ano do Ensino Médio e iria fazer o Enem pela primeira vez. De acordo com a jovem, ela não chegou mais cedo por conta do engarrafamento. "Achei que seria tempo, mas agora aprendi a lição para vir mais cedo em dezembro".

Paloma de Souza Monteiro
Paloma de Souza Monteiro

No Ceará, os portões para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio foram fechados ao meio-dia deste sábado (5), data do primeiro dia do concurso. Trânsito congestionado, trabalho, horário de verão foram alguns dos relatos que candidatos atrasados justificaram para perder o horário.



Fonte: G1
logomarca do portal meionorte..com