mais

Novo livro de Aldo Rebelo traz propostas para volta ao desenvolvimento

Neste trabalho, Rebelo, jornalista e político, oferece ao leitor uma série de argumentos de plataforma em que figuram temas de economia e futebol, mulheres e índios, militares e diplomacia, educação e desigualdade, agricultura e Amazônia,

O ex-ministro Aldo Rebelo acaba de lançar seu novo livro. Até o fim dessa semana estará nas livrarias e redes a obra “Quinto Movimento – propostas para uma construção inacabada”, 249 páginas, 21 capítulos, Já Editores, de Porto Alegre, com ilustrações de Elifas Andreatto e Agélio Novaes. 

Neste trabalho, Rebelo, jornalista e político, oferece ao leitor uma série de argumentos de plataforma em que figuram temas de economia e futebol, mulheres e índios, militares e diplomacia, educação e desigualdade, agricultura e Amazônia, que são área de atuação do autor na sua carreira política iniciada como presidente da União Nacional dos Estudantes (UNE), ainda nos tempos do regime militar, passando por seis mandatos como deputado federal (também foi vereador em SP), pelo PCdoB, a presidência da Câmara dos Deputados e ministro das pastas de Ciência e Tecnologia, Defesa, Esporte (fez a Copa do Mundo) e Coordenação Política. Aldo Rebelo não teve nenhuma acusação ou processo em toda sua trajetória.

Aldo Rebelo lança novo livro - Foto: Renato PizzuttoAldo Rebelo lança novo livro - Foto: Renato Pizzutto

"O livro é resultado de minhas convicções e de minhas experiências em torno da importância da Questão Nacional como o eixo capaz de retirar o Brasil da desorientação em que se encontra e guiá-lo para a retomada do desenvolvimento da economia, para geração de emprego para os brasileiros, a redução das desigualdades que voltaram a crescer entre nós e para a continuidade do penoso processo de construção das instituições democráticas no Brasil”, declarou o autor em entrevista para o Jornal Meio Norte.

Para o autor, o Brasil não tem solução para os graves problemas que enfrenta se não voltar a crescer e a distribuir renda. "Precisamos valorizar a agenda da reindustrialização do País e do aproveitamento das nossas potencialidades na agricultura, na pecuária e na expansão para o Oeste rumo aos portos do Chile e do Peru, que nos conduzem ao Pacífico e aos mercados asiáticos”, avalia.

O livro está distribuído em três partes e 21 capítulos. “Na primeira parte, trato de como formei minhas ideias sobre o Brasil ainda na juventude e nos bancos escolares, é um depoimento sobre o meu nacionalismo. A segunda parte aborda os quatro movimentos de construção do Brasil: o primeiro, de 1500 a 1750, da formação da base física do nosso território; o segundo da construção da independência, de 1750 a 1822; o terceiro, o da consolidação da Independência e da Unidade do território, de 1822 a 1888; e o quarto movimento nasce com a República, tem seu apogeu na chamada Era Vargas e vem até o governo do presidente Lula. A terceira parte é o que denomino de Quinto Movimento e das iniciativas necessárias para a retomada da construção inacabada do Brasil. Na terceira parte, eu aponto as ações nas áreas da economia, ciência e tecnologia, agricultura e pecuária, Amazônia, Forças Armadas e combate às desigualdades, entre outros temas. O livro foi escrito entre outubro de 2020 e fevereiro de 2021. Comecei em São Paulo e concluí no interior de Alagoas”, antecipa.

Live fará discussão sobre o livro O Quinto Movimento Live fará discussão sobre o livro O Quinto Movimento 

Em razão da situação de saúde pública no Brasil, o lançamento já acontece de forma virtual. O livro terá uma edição física, uma em PDF, uma em E-book e outra em Áudio livro. A edição em PDF estará disponível livremente.

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail