Número de mortos no México após terremoto sobe para 90

O cismo foi o mais poderoso a atingir o México

Chega a 90 o número de mortos em razão do terremoto ocorrido no México. A maioria das mortes ocorreu em Oaxaca, no sul do país. Pelo Twitter, o governador Alejandro Murat diz que há 71 mortes apenas no estado. Há ainda 15 mortes em Chiapas e 4 em Tabasco.

O presidente Enrique Peña Neto diz que foram registradas no país mais de 770 réplicas do terremoto após o sismo principal. Ele decretou luto oficial de três dias em razão dos mortos.

O terremoto de magnitude 8,1 que ocorreu na costa de Chiapas na quinta-feira foi mais forte que o tremor devastador de 1985, que abalou partes da Cidade do México e matou milhares. Somente em Juchitan, milhares de casas desabaram, disseram as autoridades municipais.

Os esforços de ajuda no sul continuaram neste sábado, com várias das pessoas que foram mais afetadas ainda temendo voltar para os edifícios enfraquecidos, que podem cair com tremores secundários.

O cismo foi o mais poderoso a atingir o México desde outro terremoto de magnitude 8,1 em 1932. O Serviço Geológico dos Estados Unidos disse que o terremoto de 1985 tinha magnitude de 8,0, embora tenha ocorrido muito mais perto da Cidade do México e tenha sido menos profundo que o de quinta-feira.

Na madrugada desta sexta-feira um terremoto de 8,2 graus atingiu a costa do Pacifico, no México, segundo as autoridades locais pelo menos 90 pessoas foram mortas (Crédito: AFP)
Na madrugada desta sexta-feira um terremoto de 8,2 graus atingiu a costa do Pacifico, no México, segundo as autoridades locais pelo menos 90 pessoas foram mortas (Crédito: AFP)
Na madrugada desta sexta-feira um terremoto de 8,2 graus atingiu a costa do Pacifico, no México, segundo as autoridades locais pelo menos 90 pessoas foram mortas (Crédito: AFP)
Na madrugada desta sexta-feira um terremoto de 8,2 graus atingiu a costa do Pacifico, no México, segundo as autoridades locais pelo menos 90 pessoas foram mortas (Crédito: AFP)
Feridos pelo terremoto são atendidos em quadra de basquete improvisada como hospital de emergência  (Crédito: Reuters)
Feridos pelo terremoto são atendidos em quadra de basquete improvisada como hospital de emergência (Crédito: Reuters)



Fonte: Com informações do Brasil 247
logomarca do portal meionorte..com