Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Número de mulheres mortas no Piauí cresceu 48,6% entre 2007 e 2017

Em relação aos homicídios de mulheres o Piauí figura na 4ª posição, com o menor índice de assassinatos de pessoas do sexo feminino.

Compartilhe
Google Whatsapp

De acordo com a Nova Edição do Atlas da Violência, no Brasil, houve um crescimento expressivo do número de homicídios femininos, em 2017, com cerca de treze assassinatos por dia. Sendo que ao todo, 936 mulheres foram mortas. Com base nos registros do Sistema de Informações sobre mortalidade do Ministério da Saúde, o levantamento aponta que entre 1997 e 2017, houve um crescimento de 3,7% no número de homicídios de mulheres no Brasil.

No Piauí, o número de mulheres mortas cresceu 48,6% entre 2007 e 2017, mas estudo ressalta que nem todos os casos registrados são de feminicídio. Sendo que o Piauí registrou redução de 10,9% na taxa de assassinatos. O estado tem a menor taxa de assassinatos de jovens de 15 a 29 anos, com um índice de 73.1% homicídios para cada grupo de 100 mil habitantes, perde apenas para o estados de São Paulo (18,5) e Santa Catarina (30,2).

Em relação aos homicídios de mulheres o Piauí figura na 4ª posição, com o menor índice de assassinatos de pessoas do sexo feminino. A taxa no Estado é de 3,2 casos para cada grupo de 100 mil habitantes. De 2016 para 2017 o crescimento no número de homicídios de mulheres no Piauí foi de 4%, tendo ocorrido 50 crimes em 2016 e 52 crimes em 2017.

De acordo com entrevista concedida pela delegada Anamelka Cadena, subsecretária de Segurança do estado do Piauí, que além do trabalho de prevenção e enfrentamento à violência contra a mulher, as autoridades de segurança têm o dever de investigar e dar condições para a Justiça, para que os culpados sejam de fato, punidos. "O investimento em políticas públicas para as mulheres têm pouco contribuído para a redução dos casos, embora a violência esteja visível aos olhos da sociedade, seja ela em forma de homicídio ou feminicídio", ressaltou.


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto

×