Número de presos no sistema prisional do Piauí diminui

Os dados são referentes o primeiro trimestre de 2017

A Secretaria de Justiça do Piauí (Sejus) divulgou, nesta quarta-feira (26), através do Núcleo de Estatísticas do Sistema Prisional, dados mostrando que o número de pessoas presas nos presídio do Estado diminuiu no primeiro trimestre de 2017.

De acordo com o Núcleo de Estatísticas, em janeiro existiam 4.209 presos no sistema prisional. Em fevereiro, o número caiu para 4.140. A tendência à queda continuou em março, quando o número de detentos diminuiu para 4.078.

A redução no número que pessoas privadas de liberdade prosseguiu no início de abril, com a diminuição da população carcerária para 4.052 (atualização da Diretoria da Unidade de Administração Penitenciária no dia 2 deste mês).

A redução da população carcerária no período ocorreu, continuamente, em 11 presídios. Na Casa de Custódia, por exemplo, o número de presos diminuiu de 968 para 951. Na Penitenciária de Parnaíba, de 571 para 545, e na de Picos, de 365 para 339.

Em 2016, no mesmo período, foi registrado aumento de gradativo da população carcerária. Segundo o Núcleo de Estatísticas, em janeiro daquele ano, o número de presos era de 3.729, crescendo para 3.974 em fevereiro e aumentando para 4.015 no mês seguinte.

O secretário de Justiça, Daniel Oliveira, vê com otimismo os números, que, segundo o gestor, refletem tanto a diminuição da criminalidade no Estado, como os resultados da força tarefa organizada pelo Tribunal de Justiça do Piauí para julgar processos de detentos.

“Essa tendência à queda reflete que a estratégia e o esforço conjunto entre as instituições do sistema de justiça para reduzir a população carcerária e o índice de aprisionamento têm dado resultados positivos. Continuaremos, portanto, a reforçar essa estratégia”, pontua Oliveira.

Fonte: Portal MN