mais
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Paulo Cupertino esteve em sete cidades após matar ator e família

Procurado pela polícia, ele já esteve em 4 cidades paulistas: Sorocaba, Águas de São Pedro, outra cidade não informada e Campinas.

Levantamento feito pelo G1 mostra que Paulo Cupertino Matias passou por pelo menos sete cidades de três estados e se escondeu, até a semana passada, num sítio no Mato Grosso do Sul depois que matou o ator Rafael Miguel e os pais dele, no ano passado, em São Paulo.

O empresário atirou nas vítimas porque não aceitava o namoro da filha, Isabela Tibcherani, com o artista. Depois do crime, ele fugiu e, desde então, é procurado pela polícia.

Até o dia 27 de outubro, Cupertino estava trabalhando num curral em Eldorado (MS), onde cuidava do gado de um sitiante. Ele teria ficado no local entre 8 e 15 meses.

Paulo Cupertino trabalhando em curral em EldoradoPaulo Cupertino trabalhando em curral em Eldorado

Na região, era conhecido como 'Manoel Machado da Silva', nome falso que adotou para despistar os policiais. Além disso, usava barba branca e comprida e um boné como disfarces.

Dias depois, a Polícia Civil de São Paulo foi até a cidade sul-mato-grossense e conseguiu fotos que mostram a fisionomia mais recente do criminoso, que fugiu novamente.

Ele está na lista dos mais procurados de São Paulo. Quem tiver informações sobre seu paradeiro pode ligar para o Disque-Denúncia pelo número de telefone 181. Não é preciso se identificar.

Paulo Cupertino e suas mudanças de visualPaulo Cupertino e suas mudanças de visual

Informações da investigação policial do caso e depoimentos de testemunhas indicam que, após deixar a capital, em junho de 2019, Paulo seguiu para outros municípios paulistas: Sorocaba, Águas de São Pedro, outra cidade não informada e Campinas.

Ele também passou por Ponta Porã, no estado do Mato Grosso do Sul, e Jataizinho, no Paraná. Nesses dois últimos municípios, o empresário conseguiu, respectivamente, fazer um novo Cadastro de Pessoa Física (CPF) e um novo tipo de Registro Geral (RG), ambos falsificados. Além de usar o nome falso de Manoel, Paulo forneceu dados pessoais que não são dele.

Depois de falsificar os documentos, o assassino seguiu para Eldorado, no Mato Grosso do Sul, onde conseguiu trabalho num sítio da cidade. A informação sobre o último paradeiro de Paulo foi dada no domingo pela TV Record e acabou confirmada nesta segunda-feira (2) com a Secretaria da Segurança Pública (SSP) paulista.

"A Polícia Civil informa que as buscas pelo referido indiciado prosseguem, inclusive com o apoio da Polícia Civil do Mato Grosso do Sul. Após a identificação do uso de uma identidade falsa, os agentes confirmaram que o procurado residiu durante um período na cidade de Eldorado (MS), tendo deixado o local na última semana. Equipes do DHPP [Departamento Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa] estiveram no local e diligências seguem em andamento para captura-lo", informa a íntegra da nota divulgada pela pasta da Segurança sobre Paulo.

Rafael Miguel e os pais foram mortos por Paulo CupertinoRafael Miguel e os pais foram mortos por Paulo Cupertino

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail