Pedófilo mantinha vítimas dentro de buraco atrás da geladeira

O homem foi considerado culpado de 10 acusações de estupro

A polícia descobriu como um homem, preso por pedofilia, escondia suas jovens vítimas dentro de sua própria casa. Michael Dunn, de 57 anos, fez um buraco através da geladeira em sua casa em Redcar, em Cleveland (EUA), que era usada para esconder as vítimas da polícia. Dunn foi considerado culpado de 10 acusações de estupro, três por assédio sexual e três por cárcere privado.

Para esconder o buraco, ele usava sacolas e um painel e conseguiu evitar que a polícia descobrisse o local mesmo após nove visitas dos agentes à sua casa casa. O promotor responsável, Richard Bennett, disse que Dunn fez suas vítimas "sofrerem fisicamente": "Michael Dunn é um homem violente, controlador e abusivo". 

Uma das vítimas, que já teria sido estuprada por outro homem, ainda foi agredida fisicamente por Dunn com socos em seu rosto, peito e estômago. Posteriormente, ela teria tentado cometer suicídio.  Ainda sem uma data para o veredito final, o juiz Tony Briggs optou por manter Dunn em custódia até a próxima sessão do julgamento.

Image title

Fonte: Com informações da UOL