Perito detecta risco de incêndio na antiga delegacia de Picos

A estrutura física do local também está comprometida

O Sindicato dos Policiais Civis do Estado do Piauí (Sinpolpi), voltou a questionar as condições de trabalho dos policiais civis na sede do antigo prédio da Delegacia Regional de Polícia Civil de Picos. O Sinpolpi  solicitou junto ao Ministério Público do Trabalho uma perícia nas instalações do prédio situado na Avenida Severo Eulálio.

Segundo o órgão representativo, policiais trabalham fazendo a guarda do local e de veículos que ali permanecem mesmo após a mudança para a nova sede, ocorrida em outubro do ano passado.

Na avaliação do engenheiro perito em segurança do trabalho responsável pela inspeção do prédio, Arthur Cerqueira, a situação é grave. “São existentes vários riscos e o ambiente de trabalho é considerado de grave risco iminente”, frisa.

Entre os principais riscos detectados pelo especialista está a ameaça de incêndio. “Foi constatado realmente que a fiação elétrica está exposta. E devido à grande quantidade de veículos, existe resíduo de gasolina, e tem possibilidade de ocorrer um incêndio”, explica.

A estrutura física do local também está comprometida. “A estrutura está muito danificada, já ocorreu um incêndio lá, existem rachaduras e existem riscos constatados”, acrescenta o perito.


Fonte: Com informações do A Grande Barras
logomarca do portal meionorte..com