mais
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Peritos concluem que acusado de matar Aretha não tinha problema mental

Aretha Dantas Claro foi morta no último dia 15 de maio.

O Hospital Aerolino de Abreu divulgou o resultado do exame de sanidade mental feito em Paulo Alves dos Santos Neto, acusado de matar a cabeleireira Aretha Dantas. Segundo aponta o laudo, Paulo não possuiu nenhum problema mental quando cometeu o crime.

Os médicos que analisaram o caso foram Juarez Lobo Bessa e José Heráclito Pereira Vale, segundo eles, Paulo sabia muito bem o que estava fazendo no dia do crime, agindo de forma premeditada e não sofreu nenhum surto psicótico. Os laudos detectaram que ele não possuía nenhum comprometimento de suas capacidades de entendimento na época do crime, que aconteceu no mês de maio do ano passado. 

Peritos concluem que acusado de matar Aretha não tinha problema mental - Imagem 1

O advogado da família de Aretha, Dr. Marcos Vinícius Nogueira, afirmou em entrevista ao meionorte.com,  que o processo estava suspenso, mas agora com o resultado o acusado vai continuar preso na Cadeia Pública de Altos.

“O processo estava suspenso, agora com esse resultado e comprovando que ele não possui nenhuma doença mental e que no dia do crime ele estava completamente normal nos ajudou. Inclusive ele conta com riqueza de detalhes como ocorreu o crime.  Então ele deve continuar preso”, declarou. 

Aretha Dantas Claro, foi morta no último dia 15 de maio pelo ex-companheiro que não aceitava o fim do relacionamento. A cabeleireira tinha 32 anos de idade e namorou com Paulo por cerca de 1 ano. Segundo  a polícia, durante esse período a vitima sofria agressões físicas e psicológicas.


Tópicos

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail