A governadora Regina Sousa (PT) nomeou 176 novos agentes da Polícia Civil e 53 policiais penais concursados da Polícia Civil da turma de 2018. Os nomes foram publicados na edição desta quinta-feira (30) do Diário Oficial do Estado e aguardarão a posse e lotação em municípios do interior do Estado. A decisão foi tomada após reuniões com secretariado do governo nesta semana. 

A chefe do executivo estadual destacou que a nomeação dos concursados sofreu atraso por conta da pandemia e outros fatores, mas agora foi possível fazer o chamado dos agentes para contribuir na melhora dos índices de segurança. 

“Era um concurso muito esperado, que por conta de pandemia e outros fatores a gente segurou. Então, eles fizeram o curso de formação e agora a gente chamou. A Secretaria de Segurança estava precisando de servidores efetivos, policiais da atividade-fim, que são os policiais civis, para reforçar mais ainda a segurança do Estado que é a nossa meta principal”, falou.

Regina Sousa nomeia 176 agentes da Polícia Civil e 53 policiais penais (Foto: Divulgação)Regina Sousa nomeia 176 agentes da Polícia Civil e 53 policiais penais (Foto: Divulgação)

A turma que será nomeada prestou concurso em 2018 e passou por todas as cinco fases de treinamentos e testes. A concursada Nádia Lima fala sobre a felicidade em receber a notícia. Para ela, a alegria é ainda maior ao saber que toda a turma também será nomeada. “A gente está muito feliz com essa conquista porque é uma luta muito grande. Esse reconhecimento nos enche de muita alegria porque era uma coisa muito esperada e não ficou nenhum colega sem ser nomeado, serão todos. Com a graça de Deus, no dia 04, estaremos todos nomeados, só aguardando a posse para irmos para os nossos destinos”, comemora a futura agente da Polícia Civil.

VEJA A LISTA DE NOMES NA ÍNTEGRA

O delegado geral da Polícia Civil, Luccy Keyko, comemorou a nomeação dos novos agentes que reforçarão a segurança no interior do Estado. Ele conta ainda que, com a nomeação desses novos agentes, será possível um remanejamento de agentes do interior para atuar na região metropolitana da capital. “Fico muito feliz com essa notícia e agradeço a governadora e toda a equipe do governo por todo o esforço que está sendo feito para melhorar cada vez mais a nossa segurança pública, principalmente nessa parte de polícia judiciária. É muito difícil nomear uma quantidade significativa de servidores: são mais de 170 servidores que reforçarão as delegacias do interior do Estado. Nós iremos preparar o plano de lotação deles, além de também fazer um concurso interno de remoção, já que com essas nomeações será possível reforçar a área metropolitana”, esclarece o delegado.

O secretário de Estado da Segurança, Coronel Rubens Pereira, destaca a importância desses novos agentes para contribuir nas investigações e melhorar os indicadores de segurança do Estado. “Nós estamos muito felizes com isso, sabendo, é claro, da importância que tem a nomeação desses agentes para a segurança pública. Serão nomeados para o interior do Estado, para as investigações, nos inquéritos auxiliando os delegados, bem como para atender à população. Eles serão nomeados e a partir daí terão 30 dias para posse e logo em seguida o exercício das atividades. Benefícios para todos e para segurança pública na redução de indicadores da violência”, pontua.