Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Picos registra 55 casos de HIV somente em 2019, afirma CTA

Sobre a campanha do Dezembro Vermelho em Picos a coordenadora do CTA afirmou que o evento acontecerá nesta quarta-feira (04/12).

Compartilhe
Google Whatsapp

No dia 1º de dezembro é celebrado em todo o mundo o Dia Mundial de Combate à AIDS, quando equipes de saúde promovem ações de conscientização e prevenção da doença. O Centro de Testagem e Aconselhamento - CTA de Picos realizará uma campanha de concientização para a importância da realização dos testes de HIV. 

Segundo o Ministério da Saúde, no Brasil aproximadamente 135 mil pessoas tem o vírus da AIDS e não sabe. Dados divulgados pela Sesapi apontam que entre 2008 a 2018 Picos registrou 110 casos de HIV. 

Ranking Municípios de Residencia

Nº Casos 2008 a 2018

1º Teresina

3487

2º Parnaíba

162

3º Piripiri

142

4º Floriano

129

5º Picos

110

6º Altos

94

7º Campo Maior

93

8º Oeiras

87

9º Luzilândia

59

10º Guadalupe

46

11º Miguel Alves

37

12º José de Freitas

35

Fonte: SINAN /SESAPI  (dados parciais 04/11/19)

A coordenadora do do Centro de Testagem e Aconselhamento - CTA, Isabel Fortes, afirmou em entrevista a Rede Meio Norte, que 55 casos foram diagnosticados neste ano de 2019. 

"55 desses casos foram diagnosticados neste ano, sendo que são do 35 do sexo masculino e 14 do sexo feminino e 4 são gestantes." contou Isabel Fortes. 

Sobre a campanha do Dezembro Vermelho em Picos a coordenadora do CTA afirmou que o evento acontecerá nesta quarta-feira (04/12).

 

"O mundo inteiro se fala dessa campanha, e aqui em Picosm essa campanha a gente vai fazer dia 04 de dezembro, que será na quarta-feira aqui na Praça Jodino Ferreira. Então essa campanha deste ano, o foco são aquelas pessoas que tiveram por algum momento o risco de contrair fazerem o teste, porque as vezes você tem HIV e não sabe, pois em algumas pessoas não apresentam sintomas, então você pode ter e não saber." disse Isabel Fortes. 

De acordo com Isabel Fortes, o que chama atenção nos números de casos de HIV são a faixa etária. 

"O que chama atenção é a questão da faixa etária, esses casos novos eles são entre 24 anos e 40 anos, mas também temos em outras faixas etárias." declarou a coordenadora. 

Campanha do Dia Mundial de Luta contra a Aids

O Ministério da Saúde alerta que com o tratamento adequado, o vírus pode ficar indetectável e a pessoa não desenvolve a doença. No Brasil, a medicação e o acompanhamento médico são oferecidos pelo SUS, de graça.

A previsão do governo é distribuir 462 milhões de preservativos masculinos, e 7,3 milhões de unidades de preservativos femininos durante o mês de dezembro. A pasta quer ainda finalizar a entrega de 12,1 milhões de testes rápidos de HIV, para diagnóstico de pessoas infectadas.

Segundo o ministro da saúde Luiz Henrique Mandetta, a campanha é para vencer desafios. “O maior desafio ainda é o medo”, afirma o ministro sobre o receio de muitos ao fazer o teste de HIV.


Siga nosso canal no telegram
Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se