Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Polícia recebeu 54 denúncias sobre assassino do ator Rafael Miguel

Informações sobre comerciante Paulo Cupertino Matias responde por 16% de todos os registros.

Compartilhe
Google Whatsapp

Entre os dias 9 de junho e 31 de julho, os serviços Disque Denúncia, que atende pelo número de telefone 181, e Web Denúncia receberam 54 denúncias sobre o possível paradeiro do comerciante Paulo Cupertino Matias, suspeito de matar o ator Rafael Miguel e os pais dele, no último dia 9 de junho, na Zona Sul de São Paulo. As informações são do G1.

É o que aponta levantamento feito pelo Instituto São Paulo Contra a Violência, organização responsável por gerenciar esses serviços por meio de contrato com a Secretaria de Estado da Segurança Pública. As 54 denúncias representam uma média de mais de um relato recebido por dia acerca do caso.

Segundo a Polícia Civil, o comerciante atirou 13 vezes nas vítimas porque não aceitava o namoro de sua filha Isabela com Rafael.

De acordo com o Instituto São Paulo Contra a Violência, entre junho e julho deste ano, foi registrado um total de 297 denúncias, incluindo relatos pelo 181 e pela internet, sobre homicídios dolosos (quando há a intenção de matar). Isso significa dizer que as informações sobre a possível localização do comerciante respondeu por 16% de todos os registros dessa natureza contabilizados ao longo desses dois meses.

Polícia fez simulação de possíveis disfarces usados por ele

Segundo Mário Vendrell, gerente de Projetos do Instituto São Paulo Contra a Violência, as denúncias são analisadas por policiais civis e militares no mesmo momento em que são recebidas pela Central de Análise do 181. “A partir dessa análise, é feita a comunicação devida ao departamento da polícia responsável pela checagem de cada relato”, explica Vendrell.

A Secretaria da Segurança informou que as 54 denúncias acerca do possível paradeiro do suspeito de matar Rafael Miguel e os pais dele foram checadas mas nenhuma delas levou à localização do acusado.

O caso é investigado pelo 98º DP (Jardim Miriam), com o apoio da 6ª Seccional. A polícia solicitou a prisão preventiva do autor e realiza diligências para localizá-lo e prendê-lo. Ele também foi incluído na lista de procurados da Interpol.


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto