Acusado de homicídio é executado com cinco tiros em Picos

O crime aconteceu no domingo de páscoa.

Após 40 dias sem crimes, mais um homicídio foi registrado na cidade de Picos. Um jovem de 23 anos identificado como Wesley de Almeida Sousa, mais conhecido como ‘Ventinha’, foi morto a tiros na madrugada de domingo de Páscoa (16/04). O crime aconteceu na Rua Santo Inácio, no bairro Bomba.

Informações repassadas por moradores da área onde aconteceu o crime, dão conta de que a vítima estava sentada quando dois homens em uma motocicleta se aproximaram, o garupa desceu e efetuou pelo menos cinco disparos.

Ainda de acordo com informações de populares, depois de ter sido baleado o jovem correu e caiu no cruzamento com a Rua Frei Ibiapina. Em função dos ferimentos ele morreu no local antes de ser socorrido.

Wesley de Almeida, já tinha passagem pela polícia. Quando tinha 16 anos ele confessou ter assassinado o músico, Artur Henrique Aguiar de Lavor, de 29 anos, crime ocorrido no dia 1º de novembro de 2009, na Rua José Rodrigues dos Santos, no bairro Aerolândia. A vítima mantinha um relacionamento com a mãe do acusado.

Na época os pais e um tio de Wesley também foram presos acusados de participação no crime que resultou no homicídio de Artur Lavor. Mas ele, então menor de idade, assumiu a autoria do assassinato. Por falta de provas, os maiores foram postos em liberdade e a vítima chegou a ficar detida no Complexo de Defesa do Menor.

Vítimas

O assassinato de Wesley de Almeida foi o sexto registrado em Picos em 2017. Também foram vítimas de homicídio o detento Reinaldo Lopes de Moura, de 32 anos; o ex-presidiário Wilame da Silva, que era mais conhecido como Alemão, de 29 anos; o menor Marcos Moreira de Lima, de 17 anos; um homem identificado pela polícia civil como Romero e o ex-presidiário José Fontes Caminha, mais conhecido como Gadinho.

Outras duas pessoas morreram em confronto com a Polícia Militar, totalizando oito mortes violentas no município nesses quatro meses de 2017. Os assaltantes, José Leonardo Silva dos Santos e o comparsa identificado como Buchecha, foram mortos em um confronto com homens do 4º BPM (Batalhão da Polícia Militar), na região da serra do povoado Mirolândia. O fato aconteceu no último dia 15 de janeiro, após a dupla realizar uma série de assaltos no povoado Lagoa dos Felix e na PI-375, que liga Picos ao município de Santana do Piauí.

Fonte: Com informações do Agoraed
logomarca do portal meionorte..com