Advogado mata ex-amante a tiros após encontrá-la em festa

Após o crime, o acusado fugiu com a esposa.

Neste domingo (01/10), o advogado Sérgio Henrique Fialho, teve sua prisão decretada após ser acusado de matar a tiros sua ex-amante em uma festa na zona Oeste do Rio de Janeiro. O homem agora se encontra foragido da polícia.

O assassinato aconteceu na madrugada do último sábado (30). O criminoso encontrou Ginderly André dos Santos, de 37 anos, em um bar na Avenida do Recreio.

De acordo com informações da polícia, o advogado chegou no local acompanhado da esposa, ao encontrar a ex-amante os dois iniciaram uma discussão. O suspeito saiu do local dizendo que ia voltar ao estabelecimento para matá-la. Instantes depois Sérgio Henrique voltou sozinho, armado e disparou contra a mulher que foi morta enquanto tentava pedir ajuda em prédios vizinhos.

Advogado matou ex-amante a tiros (Crédito: Reprodução)
Advogado matou ex-amante a tiros (Crédito: Reprodução)

O suspeito e a vítima teriam trabalhado juntos, no escritório do advogado. Sérgio Henrique era casado quando começou a se envolver com a colega de trabalho. Há cerca de dois meses o advogado e a ex-amante teriam rompido, época em que ele retomou o casamento com a esposa. Ginderly André dos Santos era mãe de um filho de 15 anos, de um relacionamento anterior.

O pai do suspeito, um comerciante que trabalha na região, teria informado aos investigadores que o filho era usuário de drogas há mais de uma década. A polícia já pediu a prisão do advogado, que fugiu junto com a mulher. Na casa do suspeito foi apreendida uma arma. Sérgio Henrique somava oito passagens pela polícia, entre as quais por lesão corporal, ameaça e disparo por arma de fogo.

Fonte: Com informações do Noticias ao Minuto
logomarca do portal meionorte..com